Nove livros para ler no Setembro Amarelo


O Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção ao suicídio, com o objetivo de alertar a população sobre a realidade a respeito do suicídio no Brasil e no mundo, suas formas de prevenções e incentivar as pessoas a pedirem ajuda. Para mais informações você pode acessar o site da campanha.

Um setembro mais amarelo

O suicídio e as doenças mentais não são tópicos discutidos abertamente ou com freqüência, mas existem muitos livros populares jovens adultos que apresentam a vida de pessoas que lidam com doenças mentais e são afetadas pelo suicídio, que podem ajudar a fornecer mais informações, a fazê-lo sentir-se compreendido e saber que ninguém realmente enfrenta esses desafios sozinhos.

Nós enumeramos alguns livros que tratam a respeito dessa temática para vocês lerem nesse #setembroamarelo.

1. Por Lugares Incríveis – Jennifer Niven:

Jennifer Niven conta uma bela história baseada em sua própria experiência pessoal com um namorado que é brutalmente honesta e afiada. Esta história mostra todo o espectro da doença mental ao explorar a relação entre dois adolescentes que lutam de suas próprias formas. Também explora a aversão da sociedade ao tratamento da doença mental e às formas em que esse comportamento falha com aqueles que precisam de ajuda.

Violet Markey tinha uma vida perfeita, mas todos os seus planos deixam de fazer sentido quando ela e a irmã sofrem um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se culpada pelo que aconteceu, a garota se afasta de todos e tenta descobrir como seguir em frente. Theodore Finch é o esquisito da escola, perseguido pelos valentões e obrigado a lidar com longos períodos de depressão, o pai violento e a apatia do resto da família. Enquanto Violet conta os dias para o fim das aulas, quando poderá ir embora da cidadezinha onde mora, Finch pesquisa diferentes métodos de suicídio e imagina se conseguiria levar algum deles adiante. Em uma dessas tentativas, ele vai parar no alto da torre da escola e, para sua surpresa, encontra Violet, também prestes a pular. Um ajuda o outro a sair dali, e essa dupla improvável se une para fazer um trabalho de geografia: visitar os lugares incríveis do estado onde moram. Nessas andanças, Finch encontra em Violet alguém com quem finalmente pode ser ele mesmo, e a garota para de contar os dias e passa a vivê-los.

2. Eu Estive Aqui – Gayle Forman: 

Depois que a melhor amiga de Cody, Meg, inesperadamente comete suicídio, ela aprende uma dura lição: você nunca pode realmente conhecer ou entender o que está no coração de outra pessoa. Meg escondeu sua depressão.

Agora, a pedido dos pais de Meg, Cody viaja a Tacoma, onde a amiga fazia faculdade, para reunir seus pertences. Lá, acaba descobrindo muitas coisas que Meg não havia lhe contado. Conhece seus colegas de quarto e Ben McCallister, o guitarrista que se envolveu com Meg e tem os próprios segredos.

Porém, sua maior descoberta ocorre quando recebe dos pais de Meg o notebook da melhor amiga. Vasculhando o computador, Cody dá de cara com um arquivo criptografado, impossível de abrir. Até que um colega nerd consegue desbloqueá-lo, e de repente tudo o que ela pensou que sabia sobre a morte de Meg é posto em dúvida.

3. Uma História Meio Que Engraçada – Ned Vizzini:

Como muitos adolescentes determinados a vencer na vida, Craig Gilner acredita que a sua entrada na Executive Pre-Professional High School de Manhattan é o passaporte para o seu futuro. Obstinado a ter uma vida de sucesso, Craig estuda dia e noite para gabaritar no exame de admissão, e consegue. A partir daí, o que deveria ser o dia mais importante da sua vida, acaba marcando o início de um sufocante pesadelo.

Ned Vizzini infelizmente perdeu sua batalha contra a depressão em 2013, mas antes disso, ele deixou ao mundo um presente. Com base em sua própria experiência, sua história explora a permanência de um adolescente perfeccionista em uma instituição para quem tem problemas mentais após uma tentativa de suicídio. Enquanto isso, Craig aprende mais do que jamais esperava sobre doenças mentais, sua própria ansiedade e os caminhos diferentes para a satisfação.

4. Meu Coração e Outros Buracos Negros – Jasmine Warga:

O romance de estreia de Jasmine Warga segue uma adolescente que aborda, de forma aberta, honesta e emocionante, o suicídio.

Aysel enfrenta problemas com a família e os colegas de escola, como tantos jovens por aí, e, aos 16 anos, planeja acabar com a própria vida.

Mas quando ela conhece Roman em um site de suicídio, enquanto busca de um cúmplice que a ajude a planejar a própria morte, em um pacto desesperado, a vida dos dois literalmente vira de cabeça para baixo.

Aos poucos, Aysel percebe que seu coração ainda é capaz de bater alegremente. E ela precisará lutar por sua vida, pela vida de Roman e pelo amor que os une, antes que seja tarde.

 

5. O Último Adeus – Cynthia Hand:

Cynthia Hand lida com a ideia de perda e tristeza em seus livros, mas leva a um nível muito mais profundo e realista neste romance sobre uma adolescente lidando com o suicídio de seu irmão. A morte de Tyler afetou completamente a vida de sua irmã, Lexi, que se culpa por sua morte e luta com a própria depressão. É uma leitura dura, explorando um sofrimento indecente com verdades frustrantes, mas é importante. Ela então começa a escrever um diário a pedido do seu terapeuta, como forma de conseguir expressar seus sentimentos retraídos.

Ter que lidar com a rotina mergulhada numa apatia profunda é um desafio diário que ela não tem como evitar. E no meio desse vazio, Lex e sua mãe começam a sentir a presença do irmão. Fantasma, loucura ou apenas a saudade falando alto? Eis uma das grandes questões desse livro apaixonante. O Último Adeus é sobre o que vem depois da morte, quando todo mundo parece estar seguindo adiante com sua própria vida, menos você. Lex busca uma forma de lidar com seus sentimentos e tem apenas nós, leitores, como amigos e confidentes.

6. Os Treze Porquês – Jay Asher: Resultado de imagem para os 13 porques

A história de Jay Asher vem em duas perspectivas: Flashbacks de Hannah, uma menina que se matou há apenas algumas semanas, e em tempo real com Clay, um garoto que Hannah salienta como fator contribuinte em uma série de fitas de áudio que deixou para trás.

Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra na porta de casa um misterioso pacote com seu nome. Dentro, ele descobre várias fitas cassetes. O garoto ouve as gravações e se dá conta de que elas foram feitas por Hannah Baker – uma colega de classe e antiga paquera -, que cometeu suicídio duas semanas atrás.

Nas fitas, Hannah explica que existem treze motivos que a levaram à decisão de se matar. Clay é um desses motivos. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.

 

8. A Playlist de Hayden – Michelle Falkoff: 

Aqui está o que Sam sabe: houve uma festa. Houve uma briga. Na manhã seguinte, o melhor amigo de Sam, Hayden, estava morto. Tudo o que ele deixou para Sam era uma lista de músicas – e um bilhete, dizendo que ele se suicidou. Mas o que Sam não sabe é: por quê?

Para descobrir o que aconteceu, Sam tem que confiar na lista de reprodução e em sua própria memória. Mas quanto mais ele escuta, mais ele percebe que sua memória não é tão confiável como ele pensou. Especialmente quando alguém que afirma ser Hayden começa a enviar mensagens enigmáticas, e uma série de ataques violentos começam a acontecer com os atormentadores que fizeram a vida de Hayden um inferno.

Sam sabe que ele tem que enfrentar o que aconteceu na noite em que Hayden se matou. Mas é só tirando os fones do ouvido e abrindo os olhos para as pessoas ao seu redor – incluindo uma menina excêntrica e imprevisível que também tem segredos – que Sam finalmente conseguirá juntar toda a história de seu amigo.E talvez tenha a chance de mudar a sua própria.

9. Quando Tudo Faz Sentido – Amy Zhang: 

No dia em que Liz Emerson tenta morrer, eles revisaram as Leis de Newton na aula de física. Então, depois da escola, ela colocou-as em prática coloando sua Mercedes para fora da estrada.

Por quê? Por que Liz Emerson decidiu que o mundo seria melhor sem ela? Por que ela desistiu? Vividamente contado por um narrador inesperado e surpreendente, este romântico e não linear romance junta a vida curta e devastadora da jovem mais popular de Meridian High. Massa, aceleração, impulso, força – Liz não entendeu isso na física, e mesmo quando sua Mercedes se afasta da árvore, ela não entende isso agora. Como impactamos um ao outro? Como reverter nossas ações? O que significa ser amigo? Amar alguém? Ser uma filha? Ou uma mãe? A vida é verdadeiramente mais do que causa e efeito? A história assombrosa e universal de Amy Zhang atrairá fãs de Lauren Oliver, Gayle Forman e Jay Asher.

Foto por Resenhando de Pijamas

Gostou? Compartilhe com os seus amigos!

0
6 compartilhamento

Qual sua Reação?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win
Manuella

Primeiros comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Choose A Format
Quiz Personalizado
Série de perguntas que pretende revelar algo sobre a personalidade
Trivia quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Notícia ou resenha
Texto formatado com incorporações e visuais
Lista
Os clássicos da Internet Listicles
Lista aberta
Envie seu próprio item e vote para o melhor envio
Lista Rankeada
Vota ou desce para decidir o melhor item da lista