fbpx

RESENHA ROCCO FÁBRICA231 | “O Estranho” – Kristen Ashley


Autora: Kristen Ashley
Editora: Rocco Fábrica 231  
Páginas:
 576 
Classificação:
 4/5 estrelas

Há alguns anos me tornei mais uma leitora apaixonada pela escrita de Kristen Ashley, e o primeiro livro que li da autora foi justamente um da série O homem dos meus sonhos. Para ser mais exata, foi o último livro da série (adoro não seguir a ordem da série, sou extremamente rebelde hahahah) e o livro foi tããão bom que eu simplesmente decidi não ler os outros volumes e me voltar para outros livros da autora. Afinal, qual a chance de outro livro da mesma série ser tão bom? Pois é, nenhuma, ao meu ver, mas O Estranho provou que ainda que ele não seja assim tão maravilhoso, ele chega perto, e sua protagonista faz valer cada página desse livro.

Eu nem ao menos sei o nome dele.
– Nossa! – sussurrei. – Como eu sou puta.

O livro gira em torno de Gwen Kidd, uma mulher determinada que se entrega a um relacionamento peculiar com um perfeito sedutor que aparece algumas noites em sua casa, envolvendo-a num excitante jogo de sensações, e a deixa sem que ela perceba, antes do amanhecer, sem que ela saiba ao menos o seu nome. Mas quando Gwen precisa ajudar a irmã, que se envolveu com uma gangue da pesada, e as duas passam a correr perigo, o lado protetor de seu amante misterioso vem à tona. Será que aquele louco relacionamento pode se revelar algo bem mais complexo?

E assim começa uma louca história sobre um homem desconhecido e uma mulher cheia de atitude, e após o primeiro capítulo me encontrei gamada em Gwen, queria essa mulher como minha melhor amiga porque ela se provou maravilhosa a cada capítulo. Em contrapartida, há o homem que ela conheceu em um restaurante e desde então ele vem mudando suas noites, e esse homem não se mostrou tão maravilhoso assim de início aindaprefiroTack.

Ginger é um pé no meu saco. Um pé no meu saco desde o dia em que ela cortou todo o cabelo das minhas Barbies. Ginger tinha três anos. Eu já estava velha demais para brincar de Barbie, mas elas eram minhas. Será que ela não podia deixá-las em paz? Por que teve que cortar o cabelo delas?

Muitas vezes eu via nesse tal desconhecido um cara sacana que acha que pode fazer e ser o que bem quiser na relação, o homem que dá as cartas a todo momento, o que não deixa de ser verdade já que ele transou com Gwen durante meses e ela sequer sabia seu nome enquanto ele sabia tudo sobre ela, e essa relação de dar e pouco retribuir foi algo que me deu nos nervos. Sim, tudo bem, com o passar de páginas o leitor entende um pouco melhor as razões do tal desconhecido, mas ainda assim não posso deixar de apontar essa característica da trama como seu ponto mais fraco. Gwen está longe de ser uma pessoa taxativa em suas decisões e muitas vezes ela fala só por falar, mas não faz acontecer.

Claro que os pontos altos foram diversos. Depois do segundo capitulo eu já estava tomada, me acabando de rir e pensando seriamente em me mudar para Denver e ver se os homens são tudo isso mesmo — até porque as Rock Chick e companhia também estão lá, essa sim é uma série para se ler e reler, espero que a Rocco publique-a algum dia! Mas voltando a O Estranho, aaah! que leitura deliciosa, é um livro que traz aquela sensação de “nossa, valeu a pena parar pra ler esse livro, quero mais” à tona. A trama teve a dose certa de drama, tensão e romance, não tem como ficar chato,

E ainda foi maravilhoso encontrar personagens como Elvira, Tack, entre outros. Sério, os personagens de Kristen formam algo como uma grande família, voce lê 10 livros da autora e acaba conhecendo todo mundo de alguma forma, criando um laço — e não, não é de uma forma chata, como já é comum em muitas séries protagonizadas por diferentes casais a cada livro; nos livros de Kristen Ashley é algo como um amontoado de pessoas que vivem na mesma cidade ou região e se encontram de alguma forma porque problema sempre encontra problema, se é que você me entende.

Acho que esse é o tipo de coisa que os psicopatas fazem. Temos que saber identificá-los. Ela só tinha três anos e já brandia tesouras por aí, fazia estragos e me causava aborrecimentos.

Por fim, O Estranho jogou minhas ressalvas por terra. Ele não só é ótimo como me fez repensar e agora eu realmente quero ler toda a série — e reler pela décima vez o livro do Tack, claro. Espero que a Rocco saiba aproveitar a mina de ouro que tem em mãos, Kristen não merece nada menos do que isso. Seus livros são romances sim, mas não são “só mais um”, a autora prova que é possível destoar do que está no mercado e criar algo tão saboroso que você termina o livro lambendo os dedos e pronto para outra.

Você está indo até o fundo comigo, não está, querido? – sussurrei minha pergunta só para confirmar. – Estou afogado em você – ele sussurrou de volta.


Gostou? Compartilhe com os seus amigos!

0

Qual sua Reação?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win
Gabrielle

"Guerra é Paz. Liberdade é Escravidão: Ignorância é Força"

Primeiros comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Choose A Format
Quiz Personalizado
Série de perguntas que pretende revelar algo sobre a personalidade
Trivia quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Notícia ou resenha
Texto formatado com incorporações e visuais
Lista
Os clássicos da Internet Listicles
Lista aberta
Envie seu próprio item e vote para o melhor envio
Lista Rankeada
Vota ou desce para decidir o melhor item da lista