[NOTÍCIA DE LIVROS] Companhia das Letras vai lançar novo livro da saga Millenium

Postado por Debora em 31/03/2015

A editora Companhia das Letras divulgou que lançará The Girl in the Spider’s Web, quarto livro da saga Millenium, de David Lagercrantz, e que a previsão de lançamento é para ainda este ano.

A trilogia original foi escrita pelo falecido escritor e jornalista sueco Stieg Larsson e a nova obra foi escrita pelo sueco David Lagercrantz, conhecido por ser coautor da biografia do jogador Zlatan Ibrahimovic.

O sucesso da trilogia foi tanto que a história foi adaptada para os cinemas duas vezes, uma versão sueca e outro americana. Na versão americana do primeiro volume, “Millennium: Os homens que não amavam as mulheres” é estrelado por Daniel Craig e Rooney Mara.

O novo livro terá mais de 500 páginas na versão sueca, dando continuidade à história protagonizada por Mikael Blomkvist e Lisbeth Salander. Lagercrantz foi escolhido para escrever o quarto livro da saga Millennium  pelo pai e o irmão mais novo de Larsson, Erland e Joakim, respectivamente. A quantidade de páginas do novo livro não foi algo pensado, confessou Langercrantz, que afirmou que só buscava inserir na história “muitas intrigas”, da mesma forma que fazia Larsson, autor da saga que vendeu mais de 80 milhões de exemplares no mundo todo.

Confira a capa:

[NOTÍCIA DE LIVROS] O que vem aí com a série de tv de “Os Instrumentos Mortais”

Postado por Gabrielle em 31/03/2015

O IdrisBr teve acesso a parte do roteiro do piloto para “Shadowhunters”, algo em torno de dez minutos do episódio e sem a devida ordem cronológica, e a opinião deles ficou algo muito legal, acredito que deram a devida atenção as características da série de tv que mereciam ser discutidas e comparadas ao livro.

Você pode conferir o texto completo aqui, mas aqui vai os detalhes que mais mexeram comigo — ou de forma positiva ou negativa:

Atualizado com mais informações que outras fontes e produtores soltaram na rede.

  • Os personagens serão mais velhos e estarão na faculdade.
  • Simon terá uma namorada — basicamente tomaria o papel de Eric. Um Eric feminino?
  • Diferente dos livros, os Caçadores de Sombras usam da tecnologia de ponta e vivem em um Instituto moderno.
  • Aparentemente vão abusar de um lado mais picante dos livros. Não é erotismo, mas um tom que leva a série de tv a ser mais sexualizada.
  • Clary, antes mesmo de se tornar uma Caçadora, vai ter feito runas e desenhos de criaturas mágicas. Ou seja, ela não só está ciente de seus poderes como usa-os.
  • O elenco não foi escolhido até o momento e estão em processo de audições.
  • Haverá romance entre Magnus e Alec forapreconceito
  • A série não será ambientada em São Francisco.
  • A autora disse que não demorará muito para descobrirmos o novo elenco.
  • Cada temporada vai conter TREZE episódios e espera-se que esteja em torno de 40 minutos cada um.
  • E a série ganhou sinopse oficial:

“Shadowhunters” segue a história de Clary Fray, com dezoito anos, que em seu aniversário descobre que não é quem acredita ser e vem de uma larga linha de caçadores de sombras (uma mescla de anjo com humano que deve caçar demônios). Quando Jocelyn, a mãe de Clary, é sequestrada, Clary se vê imersa em um mundo de caça junto com o misterioso caçador de sombras chamado Jace, junto a seu melhor amigo Simon. Vivendo entre fadas, bruxos, vampiros e homens lobos, Clary começa uma viagem de auto descobertas a medida que aprende mais sobre seu passado e o que seu futuro aguarda.

Eu ainda não sei bem o que achar desse novo projeto, acredito que ele tenha mais chances de dar certo do que o filme, até porque os produtores devem ter levado as falhas em consideração. De qualquer forma estou ansiosa pelo que está por vir e agora só é possível torcer para que dessa vez façam algo mais de acordo com os livros maravilhosos de Cassandra Clare.

As filmagens começam em maio e você pode conferir mais sobre a série de tv aqui.

[NOTÍCIA DE LIVROS] “Mulan” vai ganhar adaptação em live-action

Postado por Gabrielle em 31/03/2015

Feito por fã

A Disney prepara mais um live-action, segundo o The Hollywood Reporter! Dessa vez, trata-se do super adorado “Mulan”, que conquistou o mundo na década de 90 e ultrapassou os 300 milhões de dólares em bilheterias.

O roteiro foi preparado por Elizabeth Martin e Lauren Hynek e a estreia deve acontecer em dois anos.

A história é baseada na lenda chinesa de Hua Mulan, uma mulher que, disfarçada de homem, se une a um exército. Os contos à qual pertencia Mulan se perderam, mas mais tarde ganhou novas versões por Guo Maoqian no século XI. Uma adaptação foi produzida também na China envolvendo os contos.

Na versão Disney, Mulan mostra uma corajosa jovem chinesa que se passa por um guerreiro no lugar de seu pai debilitado e ajuda o exército imperial chinês a expulsar os invasores hunos.

O projeto faz parte de uma nova empreitada do estúdio, que transformou em live-action animações e contos que ganharam o público há alguns anos, como foi o caso de “Alice no País das Maravilhas“, “Maléfica”, “Cinderela”, e entre 2016 e 2018 também deve lançar “Mogli – O Menino Lobo“, “A Bela e a Fera“, e “Dumbo.”

[NOTÍCIA DE LIVROS] “A Menina Que Tinha Dons” será adaptado e ganha elenco

Postado por Gabrielle em 31/03/2015

Em maio começam as filmagens de “She Who Brings Gifts”, adaptação da obra A menina que tinha dons, de M.R. Carey.

Glenn Close (Atração fatal, Guardiões da galáxia), Gemma Arterton (007 – Quantum of Solace) e Paddy Considine (O Ultimato Bourne) vão estrelar a produção que tem roteiro do próprio autor, já conhecido por seus trabalhos em HQs de “X-Men”, “Quarteto Fantástico” e “Hellblazer”. O responsável pela direção será Colm McCarthy, que também trabalhou em episódios de “Sherlock” e “Doctor Who”.

O livro envolve um futuro pós-apocalíptico onde um fungo dizima quase toda a população mundial, mas um pequeno grupo de sobreviventes luta pela vida e pela cura dentro de uma base militar. É lá que vivem a menina Melanie e seus amigos, mantidos presos e isolados em celas individuais. Considerada especial pelos professores e pesquisadores da base, Melanie sonha em conhecer o mundo exterior, sem desconfiar que esse está prestes a se mostrar em toda sua selvageria.

A estreia ficou para 2016.