fbpx

RESENHA ARQUEIRO | “O Último dos Canalhas” – Loretta Chase


Autora: Loretta Chase
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
Classificação: 4/5 estrelas

O Último dos Canalhas encerra a série Canalhas, que ficou conhecida após o lançamento de O Príncipe dos Canalhas, onde conhecemos o casal Dain e Jess. Já nesse livro os holofotes viram para Vere, o amigo de Dain que insinuou que Jess era uma prostituta e saiu na mão com seu marido — sim, o livro nem precisa começar para você saber que o personagem tem muita história para contar.

Não preciso que me defendam. Só quero que acreditem em mim.

Após um prólogo emocionante, vemos como Vere Mallory tornou-se, contra sua vontade, o duque de Ainswood, e desde então ele vive sua vida desregrado, disposto a semear a discórdia e causar o caos, até que ele é nocauteado pela jornalista Lydia Grenville, e ela então torna-se um alvo. Ele não quer só seduzi-la, Vere também quer vingança.

Mas Lydia não está interessada em romance e a vingança não será tão simples de acontecer. Com um duelo de gigantes se formando, Vere finalmente encontrou alguém a sua altura, e se for para cair, ele pretende levá-la junto — principalmente se a queda acontecer em uma cama.

Eu devo ter morrido há meses e não sei, pois agora estou no inferno. Só não me enforco porque seria redundante.

Esse é mais um casal tão diferente um do outro e tão iguais juntos. Ambos não se encaixam no molde do que a sociedade espera para eles, e já viveram e sofreram muito para esperar alguma grande paixão na vida, até que um tromba com o outro, literalmente.

Lydia é uma mulher que passou parte da sua vida lutando para dar voz a opressão vivida por mulheres e pobres, então uma briguinha com um nobre sedutor não é nada. Já Vere está acostumado a perder aqueles que ama e não está disposto a abrir seu coração e correr esse risco novamente, então eles não esperam o amor, não estão prontos para isso, mas juntos eles crescem e amadurecem para perceber que não há momento certo para o cupido aparecer e há coisas que você só precisa aceitar e aprender a lidar. Mas lidar com um machista estúpido e uma megera não é algo assim tão simples.

— Ninguém enxerga o demônio que você é. Eu enxergo.
— Acho que é preciso ser um para reconhecer outro.

E Jess, Dain e o tapado Bertie são presença forte nessa historia e só dão mais força a uma trama que mostrou-se divertida desde sua primeira página. Não são poucos os trechos sagazes e irônicos (até porque Dain está aí pra isso) e a relação entre Lydia e Vere muitas vezes mostrou-se doce, tempestiva, louca, tudo que uma paixão merece ser — e sim, eles pegam fogo juntos. Então, enquanto todos se atracam, algumas peças vão se encaixando, mistérios são resolvidos, e o amor acontece. Isso não quer dizer que tudo foi perfeito, não foi.

Em alguns capítulos a sensação de que a história se arrastava foi forte, o que não torna o livro ruim, pelo contrário, ele está acima da média em relação a vários livros do gênero, mas também não é a autora em seu melhor, isso também é indiscutível. O amor entre leitor e livro não acontece no primeiro capítulo, nem no segundo, mas sim, a autora chega lá.

E quando acontece, a leitura flui em um estalar de dedos. Loretta Chase mostra mais uma vez o que há de melhor em romances de época e escreve algo que instiga qualquer fã do gênero. Você se apaixona por todos e terminei o livro com a sensação que encontro em poucos: o de dever cumprido. Agora só posso torcer para que a Arqueiro também não resista e publique os outros Canalhas no Brasil.

O amor precisara pegá-lo desprevenido. Fora o que Lydia fizera diversas vezes. Furtiva, ardilosa, recusando-se a jogar segundo as regras. Era assim que o amor funcionava.


Gostou? Compartilhe com os seus amigos!

0

Qual sua Reação?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win
Gabrielle

"Guerra é Paz. Liberdade é Escravidão: Ignorância é Força"

Um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  1. Eu sou uma apaixonada por livros de época e Loretta me conquistou no livro anterior, achei Jess uma mocinha como poucas, forte e segura, o que me agradou muito além da história ser bem divertida, estou ansiosa pra ler esse livro e tinha ficado confusa quando você disse que era o último livro da série, mas percebi que a editora publicou fora de ordem né?, bom também espero e quero que ela continue lançando a série, e também outros livros da autora e muitos outros autores de época por aqui, eu amo. 🙂

Choose A Format
Quiz Personalizado
Série de perguntas que pretende revelar algo sobre a personalidade
Trivia quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Notícia ou resenha
Texto formatado com incorporações e visuais
Lista
Os clássicos da Internet Listicles
Lista aberta
Envie seu próprio item e vote para o melhor envio
Lista Rankeada
Vota ou desce para decidir o melhor item da lista