[RESENHA EUROPA] “Valentina na Câmara Escura” – Evie Blake


Autora: Evie Blake 
Editora: Europa
Páginas: 420
Classificação: 3/5 estrelas

Valentina na Câmara Escura é o primeiro volume de uma trilogia baseada no HQ de Guido Crepax. O próprio HQ foi inspirado em uma atriz, e a partir dele várias histórias surgiram, até mesmo um filme e uma série de tevê. No livro, Valentina Rosselli é uma fotografa que encontra-se jogada no mundo do erotismo. Quando seu amante Theo entrega várias fotos de uma mulher em poses eróticas e é contratada por um clube de sadomasoquismo, Valentina tenta se adaptar ao mundo que se desvenda para ela.

Em paralelo a sua história, Evie Blake nos apresenta o cenário de 1929 e Belle, pseudônimo de Louise Brzezinska, que divide sua vida entre a prostituição — ela é cortesã, cada um chama isso como bem quer — e o casamento com um rico empresário. Separadas por anos, ambas as mulheres tentam se adaptar a carga que o destino entrega à elas.

Esse livro realmente é uma surpresa, eu não imaginava que gostaria tanto, e que acabaria esperando ansiosa pela sequência — que saiu agora em março nos Estados Unidos, se não me engano. Mas também é uma história que me deixou em cima do muro, ora eu amava um personagem, ora eu odiava, e essa sina me seguiu por todo o enredo.

Valentina e Bella possuem um laço, que não cabe a mim contar, e conforme as páginas passam as personagens vão mudando, moldando-se e encantando, ou não. Eu adorei Bella, ela é forte e sofreu tanto, mas mesmo assim é obstinada em amar mesmo quando não é correspondida. Toda sua vida ela foi colocada em segundo plano e, em vez de desistir, ela continuou em pé, mesmo apanhando muito enquanto isso acontecia.

Já Valentina é outra história. Ela é um saco em grande parte da história, e não achei que ela tinha motivos para reclamar tanto. Comparada a Belle, sua vida  e seus traumas eram o céu. Mesmo assim ela é chata, e não resolve mudar até ser tarde demais. Se eu estou interessada na sequência, é para descobrir se ela finalmente tomou jeito, porque há vislumbres de uma personalidade forte em alguns trechos do livro, e seria interessante ver aonde a autora vai com isso.

É peculiar o sucesso envolvendo Valentina. Mesmo sua história envolvendo muito bissexualismo e sadomasoquismo, o público foi grande em uma época em que o preconceito era ainda maior que o atual — o HQ começou a ser publicado entre a década de 60 e 70. Aliás, se você gostou da premissa de Valentina na Câmara Escura, antes de começar a leitura você deve deixar de lado todo e qualquer preconceito, porque não fazendo isso é provável que você não chegue muito longe.


Gostou? Compartilhe com os seus amigos!

0

Qual sua Reação?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win
Gabrielle

"Guerra é Paz. Liberdade é Escravidão: Ignorância é Força"

Primeiros comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  1. Hum , a história parece ser forte e envolvente mais não é algo que me instigou a ler..
    2 personagens que são “ligadas” sei lá não consigo gostar de livros que contam mais de uma história ao mesmo tempo acaba sem saber pra que lado torcer e acredite: EU SEMPRE TORÇO PARA UM LADO .

  2. É a primeira resenha que leio sobre o livro, eu já tinha visto ele só que só nas fotos do Facebook e agora que eu li a resenha fiquei com vontade de ler o livro, pois a historia parece ser interessante na minha opinião.

  3. Confesso que fiquei um pouco impressionada com história, mas não o bastante para eu ler. Esse tema é meio forte para mim. Deixo para a pr[oxima. kkkk

  4. Tenho estado meio saturada dos temas eróticos, então, nesse momento, eu não leria esse livro. Mas parece que ele tem um quê de diferente em relação aos outros. Quem sabe mais pra frente eu dê uma olhada com mais carinho.

  5. Já to de saco cheio da prolifleração dessas obras eróticas, sejam novas ou antigas. Só falta virar moda HQ erótico, também. Corram para as colinas u.u

  6. Eu ainda não conhecia esse livro, mas pela resenha parece ser um livro diferente dentre todos da linha atual de obras eróticas e chamou minha atenção por ser originado de uma HQ publicado entre os anos 60 e 70, e como a própria Gaby disse, num período onde o preconceito e o pudor realmente era muito maior do que hoje.

  7. adorei sua resenha, mesmo ela me deixando com um pé meio atrás sobre o livro, que não é exatamente meu estilo de leitura, mas parece ser uma leitura bem interessante

  8. Medo da câmara escura o.O ahaha Gostei da resenha, acho que desse tema que envolve submissão e bsdm eu já li Falsa Submissão :/ e nem gostei muito (Tento manter a mente aberta e livre de preconceitos bobos mas tem uma coisinha que eu não tolero: zoofilia argh) eu meio que fiquei com o pé (e todo o corpo haha) atrás com essa onda de livros eróticos que estão saindo, mas sua resenha está muito boa.

  9. Oi Gabi,super interessante o livro ser baseada em Hq,engraçado seu comentário de em um momento Vc amar e em outro odiar um personagem.
    Deve ser diferente acompanhar a história de Valentina e Bella .

  10. A ideia da adaptação da HQ para narrativa de um livro já um algo a mais… mas pela sua fala a pessoa deve ler com a mente aberta… isso já é um problema… nem todos conseguem ser assim…Valeu pelo post

  11. Sinceramente eu tô dando uma pausa em romances eróticos, juro que não aguento mais hahaha. O que achei interessante foi que o livro é baseado em uma HQ. Qdo é livro de fantasia, zumbis (alô TWD, rs) eu até entendo, mas com uma temática assim difícil imaginar essa HQ haha. Beijos

  12. A trama do livro parece ser bem forte, mas pra quem já leu os livros de Anne Rice, sobre a Bela Adormecida, com certeza não se assustaria com nada que pudesse estar nesse livro, mas confesso que não fiquei inclinada a lê-lo.

  13. Editora Europa?
    Porque eu nunca soube do lançamento desse livro? Teve algum tipo de divulgação?

    É, acho que vou deixar esse passar…

  14. Gabizita curti muito a ideia do livro, mas não leria =(. Acho que se fosse um livro único com o desfecho da história da Bella e Valentina ficaria melhor. Livros que são séries tendem a enrolar e perder o foco…. Não sei. Mas assim, contar um drama envolvendo todo esse mundo erótico pode ser visto como clichê, mas bem trabalhado e escrachado pode ficar uma coisa alá Bukowski hahahaha.
    bjs

    1. Ho, a história da Valentina já dura anos em vários formatos, acho que não dava pra autora fazer um só livro dessa mulher. Mas a história da Bella acaba nesse livro mesmo, infelizmente );

  15. Amei sua resenha mesmo ela me deixando com um pé meio atrás sobre o livro, o bdsm não e bem meu estilo de leitura, mas acaba sendo uma leitura bem interessante obrigada pela resenha.

  16. Nossa, nunca tinha lido nada sobre esse livro, e fiquei bem impressionada com o que o livro conta, mas não sei se o suficiente para procurar ler o livro, achei a Valentina bastante chata e não sei se aguentaria ela por um livro inteiro. Além de a trama delas não terminar nesse primeiro livro, não estou curtindo séries ultimamente e meu bolso bem que agradece!
    Sabe, ao ler sua resenha também me lembrou muito aquele livro Belle, da Novo Conceito, seria pelo enredo ser parecido ou se passar na mesmo epoca?não sei ainda…
    :*

Choose A Format
Quiz Personalizado
Série de perguntas que pretende revelar algo sobre a personalidade
Trivia quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Notícia ou resenha
Texto formatado com incorporações e visuais
Lista
Os clássicos da Internet Listicles
Lista aberta
Envie seu próprio item e vote para o melhor envio
Lista Rankeada
Vota ou desce para decidir o melhor item da lista