Autor: Nicholas Sparks
Editora: Arqueiro
Páginas:
256
Classificação:
3.5/5 estrelas

A Primeira Vista é a continuação do romance entre Jeremy Marsh e Lexie Darnell e nesse volume esse casal passa por diversas mudanças em seu relacionamento. Para começar, Jeremy – que nunca imaginou deixar sua cidade amada – decide se mudar para Boone Creek e ficar ao lado de sua querida noiva – pois é após algumas semanas de romance eles resolvem noivar.

Depois de tomar uma decisão dessa magnitude, os amigos e irmãos de Jeremy ficam meio conturbados e querem desencoraja-lo a prosseguir com essa história.  O que ajuda a alimentar a mente de Jeremy e então ele começa duvidar do amor de sua futura esposa. E, para completar, Jeremy começa receber e-mails que contribuem para sua desconfiança aumentar. Enquanto isso, Lexie se esforça para organizar os detalhes do casamento e de sua nova casa, mas isso não parece ser o suficiente para Jeremy, visto que ele vem agindo de forma tão estranha.

Tudo muda quando uma complicação surge na história deles – algo que pode mudar suas vidas para sempre. Jeremy aprende que tem que se manter forte por aqueles que ama e que às vezes, infelizmente, querer não é poder, restando apenas a força da fé e esperança.

Conforme eu mencionei acima, A Primeira Vista é a sequência do livro O Milagre – não sabia, descobri após começar a leitura. Confesso que fiquei um pouco apreensiva de não conseguir entender o enredo muito bem, mas a leitura foi tranquila e de fácil compreensão. Então, caso você ainda não tenha lido o seu antecessor, você pode lê-lo mesmo assim (essa não será uma desculpa).

O que dava sentido à sua vida era o amor.

Bom, fazia muitos anos desde a última vez que eu havia lido Nicholas Sparks pela última vez. Eu havia dado uma pausa depois de ler tantos e já conseguir “adivinhar” o que aconteceria em todos eles. Mas, eu decidi finalmente voltar para o meu antigo vício, e me deparei com essa obra. Eu não me arrependi de ter tomado essa decisão, porém, acredito que Nicholas poderia ter caprichado um pouco mais no plot de A Primeira Vista.

Por quê? Em primeiro lugar, achei o casal pouco comovente no início da leitura. Havia muitas brigas e eu não conseguia enxergar o motivo de um amar o outro. Depois de o casal enfrentar diversos problemas que comecei a ficar um pouco mais balançada pelos dois, mas ainda assim, não foi tanto. A narrativa foi feita em terceira pessoa, o que nos deixa um pouco mais distanciados dos personagens e, para completar, o livro é MUITO curto.

Claro que não foi de todo mal… Os assuntos abordados foram muito bons (eu não vou falar o que para não dar spoiler), mas eram temas que até então eu não conhecia… Eu também fiquei encantada pela forma como os personagens amadureceram juntos e evitaram demasiado drama. Creio que deixará uma grande lição para casais que estão em início de relacionamento e ainda não sabem lidar com desconfianças desnecessárias. De todo modo, eu digo que com A Primeira Vista eu me convenci de que darei mais algumas chances a Nicholas Sparks, algo bom pode sair disso.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
3978 pessoas visitaram
Publicado em 29/07/2016
Deixe seu comentário com o Facebook
Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!