Autora: Helena Hunting
Editora: Suma de Letras
Páginas: 336
Classificação: 4/5 estrelas

Sabe aquele livro que tem uma sinopse similar com outros trilhões que você já leu? A garota com passado sombrio, o bad boy com problemas similares que acaba encontrando nessa garota seu porto seguro e então um clímax que coloca ainda mais tempero no drama? Pois bem, À Flor Da Pele é mais um que segue essa premissa, mas a autora encontrou no clichê uma forma de se destacar.

Todo mundo tem cicatrizes, Tenley. Com sorte, elas permanecem só do lado de fora.

O livro gira em torno de Tenley Page e o crescente interesse que o tatuador Hayden Stryker nutre por ela. E quando essa tímida garota aparece no estúdio e mostra desejo de fazer uma trabalhosa tatuagem, Hayden está decidido a não deixar essa oportunidade passar.

Hayden Stryker é o típico “garoto mau”; um prostituto, de passado sombrio, ele cresceu sendo apontado como o garoto que jamais seria confiável, e mesmo após entrar na linha, ele ainda carrega esse estigma, e para muitos Stryker  está longe de ser o cara certo para curar as feridas emocionais de Tenley. Mas um não é tão diferente do outro. Tenley carrega a culpa pela morte das pessoas que ama, e apesar da ligação entre eles, isso talvez não seja suficiente para forçar Tenley a voltar a viver.

“Acho melhor você ir embora.”
“Por favor…”
“Só preciso ficar sozinha agora.”
“Não quero ir. Quero consertar as coisas.”
“Não sei se você vai conseguir.

Sinceramente? Taxei logo de início esse plot como chato porque é TÃO comum e já estou bem saturada de tramas com garotas não tão perfeitas e bad boys. Porém Helena Hunting tem uma cartada na manga: sua escrita! Sim, pode parecer bobo mas a forma como a autora escolheu desenvolver sua história ao ponto de construir um ótimo enredo, tudo acontecendo ao seu devido tempo e com a dose certa de intensidade, jogou todo meu preconceito por terra.

Nossos protagonistas são tão densos que fui sugada por suas histórias. Tenley tem toda sua bagagem e Hayden é eletrizante mas ainda assim doce e frágil. A forma como se unem e tentam lidar com as rachaduras um do outro fez valer a pena cada página de À Flor Da Pele.

Infelizmente, nada é perfeito, e a última parte do livro foi uma sequência de enrolação e páginas perdidas para que a autora pudesse pegar o gancho para o próximo livro, o que me decepcionou um pouco, mas isso não desmerece em nada o trabalho da autora durante toda a trama. Clichê vende, é verdade, e quando ele está aliado com uma ótima escrita, ele também vicia, e eu não escapei desse romance sem sair um pouco apaixonada também.

“Eu não quero mais ficar sozinho.”
“Eu sei. Talvez agora você não precise mais.”

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
4052 pessoas visitaram
Publicado em 21/08/2015
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Gis disse:

    Gente alguém sabe quando sai os outros por aqui?

  2. janiele disse:

    Oi,

    li o livro e confessso que não gostei muito tanto assim, já estou um pouco saturada de livros assim que sempre trazem as mesmas estórias, cara mal, garota problemática e tal, acho que com o tempo me tornei um pouco critica rs, sou do tipo romantica e prefiro um romance de época…

  3. Julia disse:

    Oii eu sou a Ju do blog Livros de Neve, estou apenas começando e gostaria de fazer uma troca divulgação. Se estiver interessada me mande um email. Me ajudaria bastante nesse início tão difícil. Bjss
    http://livrosdeneve.blogspot.com.br/

  4. Gis disse:

    Pessoal não consigo encontrar nenhuma informação quantos aos próximos, gostei muito desse livro. Alguém sabe de algo?

    1. Gabrielle disse:

      eu acredito que o segundo deve sair ainda esse ano, mas não foi nada confirmado

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!