Autora: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 
208
Classificação:
4/5 estrelas

Simples Perfeição é a sequência de Estranha Perfeição e finaliza a duologia voltada para Woods. Nele, conhecemos um pouco mais dos demônios do passado de Della e sua luta para viver um relacionamento normal.

O amor devia ser simples. Eu não era simples.

Luta essa que sofre um abalo ainda maior quando Woods perde seu pai e deve se voltar mais para os negócios e tentar deixar seu relacionamento um pouco de lado, mas com seu comportamento um tanto obsessivo isso é uma tarefa impossível, mas Della está determinada a fazer isso funcionar e ser seu apoio e não mais um peso em seus ombros, e para isso talvez seja preciso ela deixar ir para se encontrar.

Não sei qual parte do livro comentar primeiro. Ele foi tão simples e leve em grande parte da leitura, e tão chocante e devastador em algumas outras, que fica difícil me localizar quando a autora tirou meu chão.

Narrado por ambos os protagonistas e, lá pelas últimas páginas, por importantes personagens que protagonizarão seus próprios livros, em parte esse livro é sobre Woods e Della lutando por um relacionamento que perdure anos, e não algo de momento como muitos acreditam, e então também há uma importante parcela envolvendo protagonistas dos livros anteriores e também os próximos, como eles estão e como todos vão lidar quando uma perda horrível acontece.

Ela me ensinou a amar e se tornou a dona da minha alma.

Woods é um personagem que me irrita e abala ao mesmo tempo. Diferente de Rush, ele corre atrás do que quer e não tem medo de enfrentar empecilhos pela mulher que ama, não há dúvidas no seu amor e ele não vai deixar sua família acabar com a mulher que quer para si, e então há seu comportamento obsessivo e ansioso, porque ninguém é perfeito, claro. Já Della, aliado a seus “problemas psicológicos”, também toma atitudes oito ou oitenta, preto no branco, e a autora não trabalhou isso tão bem, quando se resolve, é de forma descomplicada, o que dá ao tal do problema seríssimo um desfecho porco, para simplificar de uma forma brusca e direta.

E por falar em Rush, Blaire dá das suas nesse livro e finalmente é possível encontrar novamente a garota que gostei tanto no primeiro livro; forte e decidida, Blaire mostra que não leva desaforo para casa e muito menos está disposta a deixar seus amigos na mão, foi uma boa mudança após as catástrofes envolvendo alguns de seus livros.

Simples Perfeição, em poucas palavras, pode ser definido como uma surpresa. Uma boa surpresa, uma má surpresa, e só me deu mais certeza sobre algo: vou até o fim com Rosemary Beach.

A morte não os havia tocado antes. Não dessa forma. Não com um deles.

Tudo estava prestes a mudar.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
2745 pessoas visitaram
Publicado em 19/02/2015
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Estou escrevendo um livro e postando os capítulos no meu blog, e gostaria muito de saber a opinião de vocês, visitem: http://segredosdab.blogspot.com.br/

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!