Autora: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Páginas:
 448
Classificação:
4/5 estrelas

Simplesmente Acontece é aquele livro que vai te fazer rir, ficar angustiado, se apaixonar e, claro, te banhar em raiva, pelo menos foi o que senti nessas quase quatrocentas e cinquenta páginas.

Aprendi que lar não é um lugar, é um sentimento.

O livro gira em torno da amizade e conhecemos tudo o que ocorre através de emails, cartas, sms, etc. Rosie e Alex se conhecem desde o sete anos e estavam na melhor fase de suas vidas quando o caminho deles começa a seguir estradas diferentes. Rosie recebe a notícia que seu melhor amigo —  e amor- se mudará de Dublin para os Estados Unidos com seu pai, que recebeu uma promoção no trabalho.

A partir daí, Rosie se vê sem seu melhor amigo ao seu lado, e em paralelo ela não desiste de seu sonho de se tornar uma gestora de hotel e candidata-se para um curso de hotelaria em Boston, uma cidade que tem o bônus de estar próxima de seu grande amigo, porém grandes planos também proporcionam grandes quedas quando tudo não sai como esperado.

Engraçado, porque quando a gente é criança acredita que pode ser tudo o que quiser ir para onde se tem vontade. Não há limites. Você espera o inesperado. Acredita em mágica. Aí você cresce e a inocência acaba. A realidade da vida mostra a sua cara e você se sente golpeada quando constata que não pode ser tudo o que quer.

Nada na vida de Rosie Dune é fácil e de más escolhas o inferno está cheio, prefiro não especificar o que ocorreu, mas a cada página você vê o laço de amizade entre esses dois personagens cada vez mais forte, duas pessoas completamente apaixonadas um pelo outro mas que devem passar pelas peças que a vida prega em suas vidas para perceber todo esse amor e, principalmente, perceberem o amor que eles devem ter para si mesmos.

E então vem aquela angustia, a frustação, porque nem tudo dá certo, e por mais que eu simplesmente não parava de rir, eu também não parava de me preocupar com o que aconteceria entre o casal. Sinceramente, as primeiras duzentos e cinquenta páginas do livro foi apaixonte, ri horrores, mas após isso senti uma certa enrolação e a história começa a não ser desenvolvida tão bem.

É um ótimo plot, mas com um desdobramento repleto de altos e baixos. , mas isso não vai impedir de te fazer suspirar por Alex e Rosie e perceber como amor e amizade caminham juntos.

Para ser sincera, acho que enlouqueceria sem você. Como a vida é engraçada, né? Bem na hora em que você pensa que está tudo resolvido, bem na hora em que você finalmente começa a planejar alguma coisa de verdade, se empolga e sente como se soubesse a direção em que está seguindo, o caminho muda, a sinalização muda, o vento sopra na direção contrária, o norte de repete vira sul, o leste vira oeste e você fica perdido.

Por Dani e Wesley.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
3371 pessoas visitaram
Publicado em 08/01/2015
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Leila disse:

    Amei a sua resenha, me senti exatamente como você descreveu, ri muito mas senti muita, muita raiva!!! Também percebi aquela enrolação como você comentou (eu não aguentava mais a Rosie era muito cag***) porem é uma história que nunca vou esquecer embora neste momento (momento em que acabei de ler o livro fazem 18 minutos) estou decidindo se eu voltaria no tempo e escolheria outra história ou se ler esse livro foi uma boa escolha!
    Espero que o filme seja bom porque depois de ler não consigo imaginar como será!

  2. Beatriz disse:

    É tipo uma friendzone no início?

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!