desaparecidos

Autora: Meg Cabot
Editora: Galera Record
Páginas: 256
Classificação: 5/5 estrelas

Santuário é o ultimo livro envolvendo a fase adolescente de Jess Mastriani, a garota que foi atingida por um raio e ganhou habilidades especiais, capaz de encontrar qualquer pessoa em qualquer parte do mundo. Esse livro, apesar de um pouco mais sombrio que os anteriores ao mostrar até onde as escolhas de Jess podem mudar a vida dos outros, continua tão engraçado quanto os anteriores, se não melhor.

O sinal da paz é feito com dois dedos, não um.

Dessa vez o problema está muito mais próximo. O filho do novo vizinho foi encontrado morto e ela vai precisar se unir ao Dr. Krantz se quiser encontrar justiça para a família e solucionar o caso. Mas é ao trabalhar em conjunto com os agentes especiais que Jess percebe até onde seus poderes podem ajudar muito mais do que famílias desesperadas em busca de entes queridos, mas a garota raio está preparada para aguentar as consequências de suas escolhas?

Esse livro foi uma sucessão de más escolhas para Jess e foi aí que o governo se aproveitou, afinal a culpa é uma grande arma para controlar uma pessoa em qualquer parte do mundo, e após Jess não ajudar a encontrar o corpo de um garoto desaparecido e logo após causar o ferimento de um polícial — mesmo que isso realmente nem seja sua culpa, mas okay, estamos falando de Jess –, ela sente que deve fazer algo por si mesma e é a partir disso que toda a história se desenvolve e cumina nessas escolhas não muito boas, dependendo do ponto de vista.

Agora, alguém me explica POR QUÊ essa saga nunca bombou quanto as outras dessa autora? Sério, temos Rob, o maravilhoso, sexy e taciturno Rob, e a doida da Jess, sempre com suas ideias sem pé nem cabeça para salvar o dia, além dos familiares e amigos dessa dupla que são simplesmente impagáveis, então é muito difícil para mim entender porque 1-800-Where-R-You (Desaparecidos, no Brasil) nunca bombou em vendas como Diário de Princesa e Mediadora, e sério, se você gosta de ambos ou uma dessas sagas, você PRECISA ler essa saga.

“Que-quem é você?” Seth perguntou, hesitante. “O q- o que você quer?

De que outra forma eu poderia responder? As palavras saíram da minha boca antes que eu pudesse pará-las. Quer dizer, eu vi esse filme somente umas dezessete vezes. “Eu sou Luke Skywalker,” eu disse. “E estou aqui para te resgatar.”

E finalmente, após ler esse livro pela centésima vez, terminei Santuário saudosa da antiga escrita de Meg Cabot, não tem como não ficar se perguntando onde a autora que criou personagens como Mastriani, Mia, Suze, entre tantos outros, foi parar. Se eu releio tanto as obras antigas de Cabot é porque seus lançamentos pouco possuem de seu humor, das heroínas sempre fortes, ainda que um pouco indecisas. Só me resta torcer para que um dia a autora volte a escrever histórias tão boas quanto da garota raio ou da garota que via fantasmas. E caso você nunca tenha lido nada dessa autora, leve em consideração os livros que a tornaram famosa, esses valem seu tempo e dinheiro.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
1457 pessoas visitaram
Publicado em 30/09/2014
Deixe seu comentário com o Facebook
Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!