Autor: John Green
Editora: Intrínseca
Páginas:
 288
Classificação:
 4.5/5 estrelas

A Culpa é das Estrelas descreve a linda e triste história de amor de Hazel e Augustus. Eles se conheceram no Grupo de Apoio para Crianças com Câncer e começaram uma grande amizade que deu início a um amor inesquecível. Hazel é uma adolescente de dezesseis anos com câncer que ainda respira e vive graças a um aparelho que ajuda seu pulmão funcionar quase que normalmente. Hazel está longe de ser uma garota normal. Sim, ela é doente e tem seu destino traçado. A sua morte é inevitável. Muitas pessoas em seu lugar viveriam tristes, se lamentando e querendo tudo que tem direito em seu poder de doente. Porém, Hazel não desiste, ela não quer ser uma heroína, ela quer apenas ser ela no curto espaço de tempo que lhe é permitido.

Na medida do possível, sua mãe deseja que ela tenha uma vida normal. Quer que ela se relacione e tenha amigos. Por este motivo a faz ir todos os dias ao Grupo de Apoio para Crianças com Câncer – lugar onde conheceu Gus. Bom, Gus é um garoto que eu simplesmente não tenho palavras para descrever. Ele é magnífico, incrível, doce e sedutor. Tem apenas dezessete anos e é ex-jogador de basquete. Graças à injustiça que é a vida, ele não tem uma perna – a perdeu para um câncer. No entanto, Gus é a pessoa mais esperançosa que existe de todo o mundo literário. Apesar de todas as diferenças, Hazel e Gus mostram ser a combinação perfeita para um amor explosivo que é capaz de curar dores – ao mesmo tempo em que deixa cicatrizes – trazer alegria, esperança e conforto para ambos os lados.

Esse é o problema da dor. Ela precisa ser sentida.

A obra de John Green mostra que mesmo onde não há mais lado a se correr uma luz se acende no fim do túnel. Sim, a vida é difícil. E daí? Não temos que deixa-la mais complicada do que já é. Apesar de todas as circunstâncias, a vida é sua e é você que vai decidi-la como viver. Se você quer ser feliz, triste, nervoso, tímido e por aí vai. Não é uma doença ou uma perda que vai te definir, você é a chave para tudo.

Estou apaixonado por você e não quero me negar o simples prazer de compartilhar algo verdadeiro. Estou apaixonado por você, e sei que o amor é apenas um grito no vácuo, e que o esquecimento é inevitável, e que estamos todos condenados ao fim,e que haverá um dia em que tudo o que fizemos voltará ao pó, e sei que o sol vai engolir a única Terra que podemos chamar de nossa, e eu estou apaixonado por você.

Em minha opinião, deveria haver um “box” na hora de comprar esse livro. Só ele não é suficiente, você talvez vá precisar de milhares de lencinhos. Então, que tal, livrarias trazer esse benefício para nós? Esse livro é tudo, menos fácil de ler. A Culpa é das Estrelas é um livro extremamente emocionante e que meche com cada parte do seu coração. Dá outros olhos a vida que você vive e mostrar o que é um grande amor e o que ele faz por você.

Você me deu uma eternidade dentro dos nossos dias numerados.

Embora A Culpa é das Estrelas esteja na “modinha” atualmente, essa não é uma obra que deve ser descartada tão levianamente assim. Lembre-se que você deve dar a sua opinião a um livro e não ir pela cabeça dos outros. Então, a partir do momento que alguém deixar de lê-lo por este simples motivo, ou pelo medo de ser clichê, está apenas sendo um covarde por não ler uma história tão maravilhosa. Mesmo tendo uma trama tão incrível, o livro de Green não conseguiu me surpreender tanto. Isso se deve aos spoilers e a adaptação que está prestes a ser lançada. Ainda assim, é um livro para ninguém botar defeito. E é um que nunca irei abrir mão de ler outros milhares de vezes.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
2393 pessoas visitaram
Publicado em 30/05/2014
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Jade disse:

    amei sua resenha Gabriela *-*
    ps: Também sou apaixonada por Damon Salvatore <3 kisses

    1. Gabriela disse:

      Obrigada Jade! Que demais <3

  2. Renata disse:

    Acho que eu sou a única pessoa na face da Terra que não viu nada de mais nesse livro.

    1. Gabriela disse:

      Então é a questão de que falam tudo sobre o livro e ai você aumenta tanto as as expectativas que quando vai ler não se surpreende tanto… Eu poderia ter gostando ainda mais dele, porém, não consegui gostar tanto por esse motivo :/

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!