We Were Liars, de E. Lockhart

Uma família maravilhosa e distinta.
Uma ilha privada.
Uma garota danificada e brilhante, um garoto apaixonado e político.
Um grupo de quatro amigos, os mentirosos, cuja amizade vira algo destrutivo.
Uma revolução. Um acidente. Um segredo.
Mentiras sobre mentiras.
O verdadeiro amor.
A verdade.

Of Neptune (The Syrena Legacy #3), de Anna Banks

Sinopse do primeiro livro: Galen é o príncipe de Syrena enviando à terra para encontrar uma garota que pode se comunicar com peixes. Emma está de férias na praia quando ela litaralmente corre de encontro a Galen. Ambos sentem um conexão, mas vai demorar vários encontros incluindo um mortal com um tubarão para Galen se convencer dos dons de Emma. Agora se ele pelo menos pudesse convencer Emma de que ela segura consigo a chave para seu reino… Contado a partir de ambos dos pontos de vistas, Emma e Galen, aqui está uma história de peixe fora d’água, humor que intriga e ondas de romance.

Raging Star (Dust Lands Trilogy #3), de Moira Young

Saba está pronto para seguir seu destino e derrotar DeMalo e Tonton… até que se encontra com ele e ele confunde todas suas expectativas com uma visão sedutora de uma nota terra, um Novo Eden. DeMalo quer que Saba se una a ele, na vida e no trabalho, para criar e construir um mundo mais saudável e sustentável, estável… para alguns poucos escolhidos. Os que puderem pagar.

A escolha de Jack é clara: lutar com DeMalo e parar o Novo Eden. Ainda incerta, sua conexão com DeMalo é segredo, Saba decide lutar. Junto com seu irmão, Lugh, ansiosa por uma terra no Novo Eden, Saba une um grupo inexperiente contra o poderosamente carismática DeMalo, com seu seguidores e a milicia de Tonton. Quais as verdadeiras possibilidades? Saba deve agir. E estar disposta a pagar o preço.

The Forgotten Girl, de Jessica Sorensen 

Maddie Asherford é aterrorizada por um passado que não consegue se lembrar. Quando ela tinha quinze anos de idade sofreu um acidente e teve amnésia.

Em consequência disso, Maddie luta com quem ela é – a garota esquecida que ela foi a oito anos atrás ou a Maddie que ela é agora. Às vezes ela sente como se fosse duas pessoas completamente diferentes – a Maddie boa e ruim.

A Maddie boa vai ao terapeuta, passa tempo com sua família, e faz o possível para se curar. A Maddie ruim se rebela e tem pensamentos obscuros sobre machucar as pessoas e até mesmo matá-las.

Maddie tenta manter seus pensamentos ruins escondidos na maior parte do tempo. Ela consegue até começar ter apagões. Cada vez que acorda de um, ela está perto de uma cena de assassinato sem se lembrar do que aconteceu na noite anterior e esse sentimento de desamparo faz ela se sentir como se estivesse perdendo o controle de sua vida. Maddie não quer acreditar que ela é uma assassina, mas ela começa a se perguntar quem ela realmente era no passado. Se ela sempre foi a Maddie ruim e que talvez fosse uma assassina.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
1687 pessoas visitaram
Publicado em 16/05/2014
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Fran Borges disse:

    Oi Gabi!

    E já está saindo o terceiro de Dustland lá fora e nada da Intrínseca por aqui nem com o segundo. Vida de leitor brasileiro é difícil! Amei as capas!

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!