segredos de menina

Autora: Maitena Burundarena
Editora: Benvirá
Páginas:
 256
Classificação:
 4/5 estrelas

Segredos de Menina é o romance de estreia de Maitena, mais conhecida por seus trabalhos como cartunista. Nessa ficção, que muitos acreditam ser autobiográfica, a história da protagonista é dividida em três partes.

O livro gira em torno de uma garota de doze anos de uma família tradicional de Buenos Aires, que já mudou de colégio quatro vezes nos últimos sete anos – e acha difícil que exista um mais chato que o atual – e a única coisa que faz sentido em sua vida é ficar o dia todo na rua com os amigos. Enquanto o tempo passa, e ela não é mais tão menina, seguimos seus passos pela movimentada Buenos Aires dos anos setenta, entre a morte de Perón e a Copa do Mundo. A mãe depressiva, o pai ausente, as brigas entre os irmãos, o internato, a primeira vez, a experiência com alucinógenos – tudo vai desenhando o perfil dessa adolescente que se exila por vontade própria de seu colégio, de sua família e até si mesma.

 Maitena criou uma protagonista que retrata bem muitas adolescentes, apesar de um pouco mais louca e inconsequente, e conforme as páginas passam podemos conferir como ela amadurece até a história tomar outra intensidade em sua última parte.

Nossa protagonista é sombria, mas também é inocente e só vive a vida como melhor acha que deve ser vivida, mas essa busca pela felicidade acarreta em momentos inesperados, em escolhas que não podem ser desfeitas.

Inicialmente o livro pode não ser assim tão surpreendente, mas logo o leitor se encontra torcendo por essa menina jogada em uma família infeliz, sendo tocado por essa história tão poderosa e formando seu próprio felizes para sempre à garota ao término da leitura. A autora também se desdobrou para mostrar o contraste entre ricos e pobres e a ditadura latente no país na época.

E sim, eu indico a leitura desse livro. Segredos de Menina é uma história que mesmo dias após a leitura do livro ainda fica na mente do leitor, é uma realidade triste a retratada, mas também verídica e, mesmo nem tudo sendo flores,  essa menina-mulher surpreende com sua disposição para encontrar algo de bom no seu mundo.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
3612 pessoas visitaram
Publicado em 30/06/2013
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Mônica Oliveira disse:

    Parece ser aquele tipo de livro com a história comum e ao meso tempo que nos instiga nos empolga e nos incentiva a ler…Acho que acaba que alguns de nós nos identificamos em alguns momentos com esse tipo de história..porque querendo ou não já passamos por infância e adolescência e algumas situações são sempre vistas nessas fases da vida de cada um..Acho que isso faz com que torcemos e queiramos um final feliz sempre para esse tipo de protagonista.

  2. Cristiane Silva disse:

    Parece ser uma história bem interessante, mas não chamou tenta atenção pra mim. É desses livros que fico só com resenhas mesmo =/

  3. Naty C disse:

    Gostei do livro pelo contexto da vida em Buenos Aires, mas acho que não leria o livro pq não tenho muita paciência com esses dramas adolescentes, sempre acabo irritada com o livro.

  4. Não me interessei tanto pelo livro, quem sabe mais para frente…
    Bjs, Rose.

  5. bianca guimaras disse:

    não gosto muito de livros assim, mas quem sabe um dia eu leia…

  6. paulino disse:

    Não gosto muito desses dramas muito tristes ou dramáticos,por isso não me interessei pelo livro,mas a resenha está muito boa 😀

  7. História forte. Realmente deve ser difícil viver em uma família sem estruturas. Tem pai e mãe, mas esses não estão nem ai. Já tem seus próprios problemas,sem ligar para o que acontece com os filhos,se estão se drogando e assim por diante. Deve ser uma barra viver em uma família assim.

  8. Juliana Jesus disse:

    Não é o tipo de leitura que eu gosto, mas gosto dos cartuns dessa autora, talvez um dia possa ler para comprovar o que eu estava perdendo ou não.

  9. Nattacha disse:

    Apesar de ter achado o enredo bem curioso, a forma como a protagonista leve sua vida e tudo mais, o livro me pareceu bastante triste sabe, então não sei, leria se ele viesse até mim, mas não que eu fosse compra-lo para isso! Curioso é que gosto bastante dos cartuns da autora, já o livro não me conquistou tanto assim não!
    Parabéns pela resenha! :*

  10. Esse livro já me repeliu pela capa, li a resenha, gostei, mas mesmo assim não sinto vontade de ler.

  11. Gabriella Alvim disse:

    Não me interessei pelo livro. Não achei a capa muito bacana e muito menos o enredo, não sei, não me chamou a atenção.
    Parabéns pela resenha, foi muito bem escrita

  12. Amanda Ishi disse:

    Sua resenha me deixou curiosa, porém ainda não me matou de vontade de ler. Talvez um dia eu de uma oportunidade.
    Beijoos

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!