[RESENHA COMPANHIA EDITORA NACIONAL] “Chamas na Escuridão” – Sadie Matthews


Chamas na Escuridao

Autora:  Sadie Matthews
Editora:  Companhia Editora Nacional
Páginas:
 384
Classificação:
 3.5/5 estrelas

Chamas na Escuridão é o mais novo romance erótico a entrar no mercado editorial brasileiro, primeiro volume da trilogia After Dark de Sadie Matthews a sair pela Companhia Editora Nacional.

Você pode achar que vai conseguir mudá-lo, mas não vai.

O livro começa nos apresentando Beth, uma garota que foi à Londres após se graduar e sofrer um baque emocional. Ela tem algumas semanas para conhecer gente nova e arrumar um emprego, formar uma nova vida e deixar o passado para trás. E então ela conhece seu vizinho…

Dominic é consultor do mercado financeiro, lindo e charmoso. A química entre ele e Beth é grande, e cair na sedução é questão de tempo. Mas conforme a paixão cresce, Dominic sabe que uma relação entre eles é impossível. Ele nasceu para dominar, e não quer que Beth entre nesse mundo sombrio por ele. Entretanto, Beth já está bem grandinha para tomar suas próprias decisões, e vai ensinar isso e mais algumas coisas para Dominic.

Bondage, disciplina, dominação, submissão, sadismo e masoquismo… mais alguém tem preconceito com livros envolvendo essas práticas? Eu não digo que tenho preconceito, pois é algo comum em muitos livros eróticos, mas é tão cansativo encontrar mulheres se moldando ao seu parceiro a bel prazer deles. É algo clichê nesses livros, até eu ler Chamas na Escuridão, e UAU!

Primeiro, vamos focar em Dominic. Diferente de muitos livros, ele não é um protagonista taciturno, que vive de cara fechada e com respostas curtas, pelo contrário. Ele é divertido, amigo, sincero, e, mesmo eu adorando mocinhos de mal com a vida, foi refrescante encontrar algo diferente. Já Beth é um tanto desmiolada, vive no mundo da lua (tão eu), imaginando situações de hora em hora (tão eu²), e no início achei isso bem estranho, mas conforme a história rolava foi ficando divertido, e acabei adorando essa personagem decidida, ela passou bem a mensagem que vive em minha mente sempre quando encontro livros do gênero: por que a mulher tem que se submeter a situações degradantes para apimentar a relação, amor não basta?

Sim, sejamos sinceras, apimentar a relação sempre é bom, e incrementar com alguns brinquedinhos não é pecado algum, mas há um limite, claro que há, mas como saber qual é o limite, e como respeitá-lo? Foi exatamente isso que Sadie Matthews passou para o papel. Não só sua sinceridade foi um choque, mostrando que nem tudo são flores, mas a forma como narrou toda a sedução foi ótima, nada mecânica.

Beth e Dominic precisam modificar a si mesmos para que a relação entre eles dê certo, entretanto o resultado que eles vão encontrar será suficiente para que o amor  continue? O BDSM finalmente deixou de ser complemento para formar um bom drama, e até eu, super chata com livros envolvendo o termo, sucumbi à narrativa. Aguardo ansiosa pelo próximo, e indico para todos que gostem de um bom erótico.


Gostou? Compartilhe com os seus amigos!

0

Qual sua Reação?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win
Gabrielle

"Guerra é Paz. Liberdade é Escravidão: Ignorância é Força"

Primeiros comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. sou uma preconceituosa assumida quando se trata de BDSM, acho horrivel o quão baixo isso leva a mulher, é tão desprezível a submissão que me da nos nervos.

  2. Oie, bom estou lendo Chamas na Escuridão e não estou gostando muito não, achei a Beth um pouco boba, ela vai viajar para esquecer uma decepção e ai se “apaixona” por um cara do nada, não se parece em nada com 50 tons, ao contrario, estou decepcionada.

    1. Eu não li Cinquenta Tons, mas ela não se apaixona, pelo menos no início, é só sexo msm. Eu achei isso também no início, isso de ela ficar imaginando tanto, mas dps acostumei

  3. Eu estava meio na dúvida se iria ler esse livro, mas depois dessa resenha, SUPER irei 🙂
    Também já não aguento mais esse lance das mulheres fazerem de tudo para o cara e blábláblá!

    Agora é ficar pobre comprando mil livros e ser feliz!

  4. eu já li todos,serie Crosfire,50 tons,a trilogia completa…vou começar a ler “chamas na escuridão” e vamos ver se gosto…eu gostei do 50 tons que trata um pouco de BDSM…mas fiqeui impressionada com a atitude das mulheres desses livros….não fizeram nada de que não gostassem…alias adorei a forma como a E.L.James aborda BDSM…já na serie Crossfire,não existe BDSM…já é uma coisa mais suave..mas não perde sua essência..

    adoro ler,sou suspeita pra falar…

Choose A Format
Quiz Personalizado
Série de perguntas que pretende revelar algo sobre a personalidade
Trivia quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Notícia ou resenha
Texto formatado com incorporações e visuais
Lista
Os clássicos da Internet Listicles
Contagem regressiva
As contagens regressivas clássicas da Internet
Lista aberta
Envie seu próprio item e vote para o melhor envio
Lista Rankeada
Vota ou desce para decidir o melhor item da lista