Autora: Melody Grace
Editora:  Melody Grace Books
Páginas: 215
Classificação: 3.5/5 estrelas

Juliet McKenzie é aparentemente uma garota bem-sucedida na vida, está terminando sua faculdade, se mudará e terá um ótimo emprego, além de um namorado que sempre está ali para apoiá-la e que muito em breve irá lhe pedir em casamento. Mas, como eu disse, é apenas aparência. Juliet na verdade, leva marcas em seu coração de um romance de verão que aconteceu quatro anos atrás. Com 18 anos, ela era apenas uma garota inocente que acabou se apaixonando por Emerson –- que mora em Cedar Cove, onde ela e sua família foram passar o verão.

Um amor intenso, que ela descreve como um furacão, virando sua vida de cabeça para baixo. Porém, por algum motivo, o romance não deu certo e ela foi embora da cidade. Mas Juliet decide voltar a Cedar Cove e colocar a casa à venda. O seu plano era apenas arrumar os detalhes da casa e voltar, no entanto, não foi isso que aconteceu… Porque quando ela menos esperava seu furacão apareceu e ela se sente atraída de tal forma que é impossível resistir.

Narrado em primeira pessoa, Unbroken nos traz a história a partir do momento em que Juliet está voltando à cidade para vender sua casa, o passado nos é contado por meio de flashbacks. Com uma trama que era para ser tão intensa, acredito que não tenha sido a melhor escolha de narração. Você se sente meio que perdido durante a história, sem saber em que acreditar e no que aconteceu anteriormente, e dessa forma, acaba-se perdendo a consistência do enredo. Logo no início do livro, Juliet fala algo que explica a temática do enredo e que nos traz uma claridade sobre o assunto e a história que estamos prestes a adentrar:

Há dois tipos de amor nesse mundo: a brisa constante e o furacão. A brisa constante é devagar e paciente. Ele enche as velas do barco no porto, e o eleva da linha. Te refresca em um dia de verão quente: traz as folhas de outono, como um relógio todo ano.  Você pode contar com uma brisa estável, segura e verdadeira. Mas, não há nada estável em um furacão. Ele rasga pela cidade, imprudente, enviando o oceano espumante até a costa, derrubando árvores e linhas de energia e qualquer pessoa burra o suficiente para permanecer em seu caminho. Claro que é uma emoção que você não conhecia antes: seu pulso pula, seu corpo chama por ele, como um espírito possuído. É selvagem, de tirar o fôlego e te consome por inteira.

Mas nem tudo foi de todo mal, um dos pontos positivos foi a veemência em que Melody Grace soube conduzir a história. Apesar de ter falhado no ponto que comentei anteriormente, ela consegue te segurar durante todo o livro, e também constrói uma personagem que não é tão estúpida a ponto de perder a cabeça por um cara, Juliet é totalmente consciente de suas ações. Também gostei muito do desfecho da história, apenas fiquei curiosa de onde a autora pretende nos levar no próximo volume da saga Cedar Cove.

Em suma, é um típico new adult, em que os fãs do gênero se interessarão muito. Porque quem nunca teve dois amores: aquele que te leva à loucura, o furacão descrito por Juliet, e aquele em que é calmo, confiável, e que você sabe que pode sempre confiar? Se você acha atraente uma história envolvendo amor, dor, sofrimento e prazer, está aí uma ótima leitura.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
2154 pessoas visitaram
Publicado em 27/04/2013
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Dreeh Leal disse:

    aah; gostei bastante da resenha..
    a capa chama a atenção também!
    mas como o titulo e a capa estam em inglês, suponho que você tenha lido ele em inglês ne.. sabe se esta para ser lançado no brasil?!

    Beeijinho. Dreeh
    Livros e tudo o que há de bom

    1. Gabriela disse:

      Sim, exatamente, eu o li em inglês. Infelizmente, ainda não tem previsão de lançamento no Brasil :/

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!