Autor: Scott Westerfeld
Editora: Galera Record
Páginas: 365
Classificação: 4/5 estrelas

Em Leviatã: A Missão Secreta, a Primeira Guerra Mundial está prestes a começar e maknistas e darwinistas se preparam para lutar. É nesse cenário que se encontram Alek e Deryn Sharp. Ele, um príncipe sem título. Ela, uma mentirosa.

Príncipe Alek Ferdinand está fugindo. Após assassinarem seus pais, o príncipe do império austro-húngaro perdeu seu título e foi renegado pelo povo. Agora, ele tem apenas um Stormwalker e alguns leais homens a seu lado. Já Deryn Sharp sempre adorou voar, e ela decide se disfarçar de menino para tentar entrar na Força Aérea Britânica. E quando ela finalmente consegue e mostra-se um piloto brilhante, ela deve ficar atenta, porque seu segredo está sempre a um passo de ser descoberto. Quando a jornada deles se cruzam, eles começam juntos uma viagem que mudará suas vidas.

Eu sou um pouco suspeita para falar sobre esse livro, para variar. Eu adoro o gênero steampunk e guerras sempre me fascinam. No livro de Scott Westerfeld, a Alemanha é um pais maknista, com maquinas gigantes e super potentes, e a Inglaterra é darwinista, usando uma tecnologia que mistura o DNA animal. Há criações tão descabidas em ambos os lados que as ilustrações de Keith Thompson foram imprescindíveis ao livro, apesar que nossa imaginação ajuda bastante quando algo como o Leviatã, uma “baleia voadora”, aparece.

Quanto aos protagonistas, Alek é um garoto que torna-se homem da noite para o dia para tentar sobreviver, mas a maior questão é em quem ele realmente deve confiar. Já Deryn abomina vestidos e seu maior sonho é voar. Para realizá-lo, ela corta o cabelo, aprende a peidar feito um homem, e entra na Força Aérea Britânica.

Em suma, esse é um livro envolvente, apesar de facilmente beirar ao cansativo se o leitor não pegar o ritmo das criações descabeladas do autor e esse volume ser mais uma introdução a história, sem tantas emoções como eu esperava.

 Esse é o primeiro livro que leio de Scott Westerfeld, e deu para entender o porque de o autor ser tão adorado por todo o mundo. Uma palavra que define Leviatã: A Missão Secreta é potencial. Potencial para fazer dessa trilogia uma das melhores, potencial para viciar os leitores com uma história incrível e emocionante.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
5631 pessoas visitaram
Publicado em 09/01/2013
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Muita boa a resenha, Gabi!

    Eu preciso ler algo de steampunk, mas todos os livros que me interesso desse gênero são caros – e eu sou pobre!

    :*

  2. Poliana Vasconcelos disse:

    veeei, minha lista de livros pra ler so aumenta

  3. Steampunk <3<3<3 Amo o gênero e adoro o Scott (Série Feios <3). Tá na minha listinha com certeza (:

  4. Dayane disse:

    Como disse a Poliana, a lista só aumenta² kkk

  5. Aysla disse:

    Aaaaah como estou ansiosa para lê-lo! Li tantas resenhas positivas que aumentaram muuuito minha curiosidade.

  6. Mônica Oliveira disse:

    Já ouvi falar horrores do Scott e mesmo assim nunca li nenhum livro dele…A série Feios não me cativou ao ponto de ler
    Leviatã quando lançou eu tava querendo ler que nem doida..a capa é ótima e pelas criticas parecia que valia a pena..mais depois da sua resenha não sei se é o tipo de leitura que eu quero.

  7. Maria Trindade disse:

    tenho esse livro mais ainda não tive tempo de ler ;/

  8. Nathalia Soares disse:

    Eu adoro livro que tem guerra! Vou colocar esse livro na minha lista!

  9. Éme disse:

    Steampunk queridossssssss

  10. Joyce disse:

    Sinceramente quando vi o titulo do livro nos blogs e livrarias afora me passou algo totalmente diferente do q realmente é contado…#ENCANTADA!!

  11. Juliana disse:

    Já ouvi falar desse livro antes e tenho muita curiosidade em lê-lo!

  12. VANNESSA QUEIROS disse:

    O que esperar de um Livro escrito por do Scott Westerfeld? De tudo um pouco, a começar pelo cenário retratando o início da Prime ira G.M ( o interessante é que o Leitor vai ter um excelente divertimento e ao mesmo tempo aprender um pouco da história que envolve o estopim dessa guerra).
    O estilo steampumk, que traz algo novo,personificado em seres novos e máquinas novas)fez com que eu lembrasse dos livros de H.G.Wells e Julio Verne com suas máquinas incríveis, e Leviatã realmente é um livro até que poderia virar filme,quem sabe,né?

  13. Camila disse:

    Gabi, Estou lendo Leviatã e concordo com você as ilustrações são o máximo, ainda estou tentando entender o Alek e a Deryn como personagens, mas já começo a enxergar o potencial…*-* Haaa essa é a minha primeira leitura de Scott e espero que seja tão bom, como todo mundo fala.
    Beijos, Camila

  14. Oie,
    eu não conhecia o livro, mas gostei bastante da sua resenha, parece ser mto bom!!

  15. Guilherme Menezes disse:

    Esse livro é sensacional. Otima resenha gabs.

  16. Jéssica Paixão disse:

    Nossa, quando vi o título do livro logo pensei que tivesse algo a ver com os leviatãs presentes na série Supernatural…
    Viagem total a minha!

    Eu não conhecia o livro e muito menos o autor; mas gostei da resenha e quando puder vou tentar ler!

  17. Bianca Apolinário disse:

    Amo histórias assim, simplesmente perfeita

  18. Camila disse:

    A história parece ser bem emocionante, talvez me surpreenda com esse livro.

  19. Luana Maria disse:

    Não gosto de livro de guerras.

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!