Autora: Richelle Mead
Editora: Razorbill
Páginas: 417
Classificação: 4/5 estrelas

The Golden Lily é o segundo livro da saga Bloodlines, spin off de Academia de Vampiros. Na história, Adrian, Sydney, Eddie e Jill continuam escondidos para protegerem e esconderem Jill. Porém, nesse volume, Dimitri e Sonia também estão na cidade, o que nos garante mais aventura e emoção.

Eu tentei ser uma pessoa melhor por ela.

Sydney se encontra em meio a dúvidas e incertezas. Já não está mais totalmente certa se os alquimistas são mesmo o lado “bom” da história. Depois de um grande segredo ser revelado ela vê sua lealdade testada. Ficará do lado dos vampiros ou do seu povo? O que me agradou muito nessa obra foi exatamente isso. As incertezas de Sydney, pois, dessa forma podemos ver o amadurecimento da personagem, que antes apenas acreditava nas crenças dos alquimistas cegamente.

Outro que também se destacou muito nesse livro foi Adrian. Por si mesmo da um charme a história. Quem já leu a saga de Academia de Vampiros me entende, certo? Agora que Dimitri está na cidade, Adrian está passando por um momento difícil, e é nesse momento que ele encontra uma companhia especial para ajuda-lo a esquecer de seus problemas. E no processo pode acabar se apaixonando…

Você precisa de mim? Você grita. Você quer sair? Vamos juntos. Eu vou te tirar daqui, não importa o que aconteça.

Particularmente, gostei mais de The Golden Lily do que Bloodlines. Visto que nesse volume, temos mais romance, ação e aventura. O livro não deixa a desejar. Devo dizer que o final é de tirar o fôlego e não é nada menos que surpreendente. Richelle Mead nos trouxe uma grande história para uma saga que não esperava muito, já que não teríamos uma personagem tão esplêndida,  Rose. Indico para todos aqueles fãs da saga tão amada, Academia de Vampiros.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
3743 pessoas visitaram
Publicado em 20/10/2012
Deixe seu comentário com o Facebook
Comentários
  1. Débora disse:

    Eu adorei a sua resenha e ela só me fez ficar mais ansiosa para a publicação de Bloodlines, fico feliz que a Sidney esteja amadurecendo, principalmente por essa fé inabalável nos alquimistas realmente me irritava muito, mal posso esperar pra ver Adrian e o Dimitri de novo.

    1. Gabriela disse:

      É verdade essa fé inabalável da Sydney nos alquimistas irrita bastante. Espero que até o fim dessa saga ela desista de ser uma, porque eles são muito ridiculos.

Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!