[RESENHA LEYA] "Um Mundo Chamado Timidez" – Leanne Hall


Autora: Leanne Hall
Editora: LeYa
Páginas: 224
Classificação: 4/5 estrelas

Romance de estreia de Leanne Hall, Um Mundo Chamado Timidez é o primeiro  volume da saga homônimo, um bestseller no exterior e espero que, logo, um sucesso de vendas nacionais também.  Antes de explicar melhor o livro,  vale destacar o trabalho feito na capa nacional, que é linda.  Se não me engano, uma cópia modificada da germânica com um corte diferente.

Então, você uiva para todas as mulheres?

A história: conheça um mundo chamado Timidez, onde o sol nunca nasce e as ruas são dominada por pessoas estranhas, desde crianças viciadas em açúcar à macacos bandidos e trolls, além de personagens curiosos como Lupe, uma leitora de peles e Elfo, líder dos moleques Seis-Setes. E é nesse mundo que encontram-se MeninoLobo e MeninaSelvagem, ele um local, ela querendo conhecer seu mundo. Separados, ambos possuem histórias completamente diferentes. MeninaSelvagem entrou em Timidez em busca de uma noite diferente, onde ela não seria a chacota da escola, onde não teria que esperar para ver sua mãe chegar em casa de madrugada com outro cara, onde ela poderia se perder e, logo, esquecer.

Você pode viajar meio mundo e a dor ainda continuará dentro de você

Já MeninoLobo não saberia viver em outro lugar que não Timidez. Com seu próprio drama familiar, MeninoLobo está acostumado a viver um dia de cada vez, tentando não pensar, e fracassando, no passado e em tudo que envolve o mesmo, como seu irmão, sua cunhada e seus pais. Juntos, eles vão mudar a vida um do outro.

Nesse primeiro volume, quem roubou a cena, sem dúvidas, foi MeninaSelvagem, uma garota nada previsível e, com sua visão totalmente cínica do mundo, vou confessar que ela também roubou meu coração. Foi um livro de descobertas, não só sobre Timidez, mas também entre os protagonistas, que conheceram um ao outro e, ao mesmo tempo, a si mesmos.

Para quem gosta da leitura jovem adulta, perder esse lançamento não é uma opção. O livro é curto e a leitura é rápida, não em razão da quantidade de páginas e sim porque a autora realmente escreve de forma fácil e gostosa. O sentimento que prevalece é o de espera e mesmo finalizando o livro, o sentimento continuou, o que não deixa de ser um pouco frustante.

Nossas palavras machucaram um ao outro, mas não fora nossa intenção. A verdade dói, mas não saber a verdade dói mais.

Agora que aprendemos sobre Timidez, é aguardar para conferir se no próximo volume, Queen of the Night, lançado em fevereiro nos Estados Unidos e ainda sem previsão no Brasil, Hall completará buracos que deixou em aberto, escrevendo mais sobre alguns personagens secundários como o Doutor G, Mike, Gram, Elfo e, claro, nos dizer o que Lupe disse para MeninaSelvagem e o que, ou quem, MeninoLobo realmente é.


Gostou? Compartilhe com os seus amigos!

0

Qual sua Reação?

hate hate
0
hate
confused confused
0
confused
fail fail
0
fail
fun fun
0
fun
geeky geeky
0
geeky
love love
0
love
lol lol
0
lol
omg omg
0
omg
win win
0
win
Gabrielle

"Guerra é Paz. Liberdade é Escravidão: Ignorância é Força"

Primeiros comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  1. Ain, se eu já estava louca por ele antes, depois da sua resenha estou subindo pelas paredes! Quando vi a capa ao vivo quase morri, ela é linda mesmo. Pra mim já não existe lista de espera para esse livro, vai ser por as mãos e começar imediatamente!!

    Amei os quotes *—-*
    Beijitos
    http://www.bookpetit.com

  2. Nossa, não conhecia esse livro ainda.
    Gostei da resenha, portanto, vou ficar de olho nele quando estiver pelas livrarias da vida.
    Obrigada pela dica!

    Beijo:*

  3. Ah, creio que meu filho pode se interessar pela leitura desse livro. YAs não são meu estilo, decididamente, até porque não sou mais YA, rsrsrs. Mas achei bem interessante.

  4. Essa é a primeira resenha que leio sobre esse livro. Confesso que imaginava outra história, mas mesmo assim, gostei dela. Achei a capa bem legal também. Como trata-se de uma série, prefiro começar a ler só quando tiver com todos os volumes em mãos.

    @_Dom_Dom

  5. Não conhecia esse livro sobre, triste por estar por fora das novidades da LeYa. Enfim, o enredo parece bem amarrado, os detalhes parecem ser bem feitos e o personagens tem nomes bem engraçados. Achei bacana, mas por enquanto não me chamou muito atenção. Talvez quando a trilogia estiver terminada e for vendido em box eu compro pra ler.

  6. Ainda não tinha ouvido falar nesse livro, mas a sua resenha conseguiu me deixar bem interessada nele, apesar de a história em si não ter me chamado tanta atenção.

  7. Nem preciso dizer o quão bestificado fiquei com a resenha deste livro, mas o digo: maravilhoso. Depois de tantos livros “hot”, quero me lançar em uma fantasia romântica!

  8. Não conhecia o livro, mas gostei da resenha e da história. Contudo, esses livros de série eu só gosto de ler quando já estão todos no Brasil, por que se eu gostar fico na maior ansiedade pelos outros. A maioria do pessoal gostou da capa, concordo com a Samira, não gostei não.

Choose A Format
Quiz Personalizado
Série de perguntas que pretende revelar algo sobre a personalidade
Trivia quiz
Série de perguntas com respostas certas e erradas que pretende verificar o conhecimento
Votação
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
Notícia ou resenha
Texto formatado com incorporações e visuais
Lista
Os clássicos da Internet Listicles
Lista aberta
Envie seu próprio item e vote para o melhor envio
Lista Rankeada
Vota ou desce para decidir o melhor item da lista