A editora Intrínseca divulgou um trecho de Fuga do Campo 14, livro, aparentemente, bem querido no exterior. Para ler o trecho, clique aqui. O livro de Blaine Harden, repórter do Frontline e colaborador do The Economist. É uma dica para quem gosta de não ficção. O lançamento será em 05 de abril. Confira a capa:

Shin Dong-hyuk nasceu e cresceu em um campo de trabalhos forçados na Coreia do Norte. Até hoje, é o único prisioneiro com esse perfil a escapar.
Ele viveu 23 anos de sua vida no Campo 14, um dos imensos complexos para presos políticos, localizado cerca de 80 km ao norte da capital Pyongyang. É um distrito de controle total, para casos considerados irredimíveis, de onde ninguém sai com vida. Ao contrário de outros norte-coreanos, seus residentes não merecem sequer receber doutrinação ideológica. Sua sina é escravizar-se 12 a 15 horas por dia em minas de carvão, fábricas e fazendas até encontrar a morte em execuções sumárias, acidentes de trabalho ou doenças relacionadas à desnutrição. Quem nasce no Campo 14 está sujeito a uma condenação perpétua para sanar os supostos delitos dos antepassados. As crianças aprendem a sentir vergonha de seu sangue traiçoeiro e a “lavar” sua herança pecaminosa delatando os próprios pais. De lá, ninguém foge.
Shin é a exceção. Ele sobreviveu às cercas eletrificadas da prisão e, mesmo sem conhecer qualquer pessoa no mundo exterior, deixou para trás a Coreia do Norte. Mas, além das cicatrizes das torturas que sofreu, também carrega consigo as marcas de uma infância sem amor e um terrível segredo do passado.

Cadastre-se e receba novidades e ofertas
878 pessoas visitaram
Publicado em 28/03/2012
Deixe seu comentário com o Facebook
Deixe um comentário

EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!