Fantasia

Morte

Autora:  Cornelia Funke
Editora: Cia das Letras (Seguinte)
Páginas:
 576
Classificação:
 5/5 estrelas

Se você não leu Coração de Tinta e Sangue de Tinta, não siga em frente nessa resenha, pois haverá spoilers dos livros anteriores.

Coração de Tinta nunca esteve tão perto de ser absorvido pela maldade como em Morte de Tinta. Após os eventos do livro anterior, com Dedo Empoeirado tendo seu trágico fim, Fenóglio perdeu quase que completamente as rédeas de seu livro, com Orfeu alterando cada vez mais o cenário e disposto a tudo para moldar o mundo fantástico a seu bel prazer.

Com as adversidades aumentando, Mo encarna Gaio, personagem das canções de Fenóglio para o povo colorido, e se une a luta contra os vilões. Entretanto, mais e mais Mortimer torna-se Gaio e vai perdendo sua antiga personalidade. Nem mesmo Meggie é capaz de impedir que isso aconteça. Com Resa grávida e seu pai tomando um caminho sem volta, Meggie  ainda precisa enfrentar os problemas envolvendo o primeiro amor e novas decepções. Com várias histórias em paralelo acontecendo ao mesmo tempo, pouco a pouco o leitor confere o desfecho inesquecível escrito por uma verdadeira barda.

(mais…)


o livro do amanha

Autora:   Cecelia Ahern
Editora:  Novo Conceito
Páginas:
 368
Classificação:
 4/5 estrelas

Esse é o primeiro livro que leio de Cecelia Ahern, bastante conhecida pelo sucesso P.S. I Love You. Não tinha muitas expectativas e por isso adorei quando fui surpreendia com um bom livro.

Nascida no luxo, Tamara Goodwin, de dezesseis anos, sempre teve tudo que quis. Mimada e arrogante, nunca precisou olhar para o amanhã, até que a morte abrupta de seu pai deixa ela e sua mãe uma montanha de dívidas e as obriga a se mudarem para a casa dos tios de Tamara, em um vilarejo no meio do nada. Com sua mãe deprimida e os tios considerados por ela “caipiras do fim do mundo”, Tamara logo se vê solitária e entediada, em uma casa onde a cidade mais próxima fica a quilômetros de distância. Tudo o que ela mais deseja é ter sua antiga vida de volta.

Quando uma biblioteca itinerante chega a cidade, Tamara encontra um livro muito misterioso. Ela vê inscrições com sua própria letra e datadas para o dia seguinte. Quando tudo acontece exatamente como o livro previa, ela percebe que pode ter encontrado a solução para seus problemas. No entanto, Tamara descobre que é melhor não virar algumas páginas e que, apesar de muito tentar, não pode mudar o destino.

(mais…)


Autora: Robin Hobb
Editora: LeYa
Páginas: 416
Classificação: 4/5 estrelas

É um pouco difícil eu me posicionar sobre esse livro. O Aprendiz de assassino é uma fantasia que cumpre o que promete, mas não chega a surpreender. Desde as primeiras páginas, uma mescla entre presente e passado, é visível o potencial da autora em sua escrita, mas é provável que ela tenha deixado as grandes emoções para os próximos livros da saga. Se isso diminuiu esse primeiro livro? Claro que não, mesmo se contendo Robin Hobb construiu uma fantasia que dá gosto de ler.

Uma pessoa não precisa amar para depender de alguém.

O protagonista é Fitz, aka Bastardo, e começamos o livro com ele relembrando o passado. Já bem mais velho (idade desconhecida), ele nos conta como ele foi deixado por sua mãe aos cuidados de seu pai, o príncipe Cavalaria, quando ele tinha, provavelmente, em torno de seis anos, e esse acontecimento marca a abdicação de Cavalaria como Príncipe Herdeiro. Nos anos vindouros, ele é criado pelo cocheiro de seu pai, Bronco, e muitas vezes visto como a desgraça que se abateu no reino, e alguns até pensam que talvez a situação não estivesse tão critica se o bastardo do príncipe e sua infidelidade não tivessem tirado-o de cena. Porém, Fitz na verdade é o desvio em uma corrente de erros que pode salvar o reinado. Fitz, um dia, será conhecido como o Catalisador, O Causador de Mudanças.

(mais…)


Autor: Eduardo Spohr
Editora: Verus
Páginas: 590
Classificação:  5/5 estrelas

Anjos da Morte é o aguardado segundo volume da saga Filhos do Éden, e também é um livro bem mais complexo do que o anterior, e mais importante também — ou foi isso que senti. Diferente de Herdeiros de Atlântida, agora a superficialidade com a qual foi abordado o passado de Denyel é deixada de lado e Spohr se embrenha na história do exilado nas guerras que teve como missão para entender a humanidade e sua evolução. A maior das batalhas, claro, foi a 2ª Guerra Mundial, que marca o início da corrida armamentista e tecnológica para os humanos e também o ponto de partida para as piores decisões que nosso querubim já fez em sua vida não tão eterna.

É um bom dia para morrer.

Em paralelo, continuamos a acompanhar a jornada de Kaira, Urakin e Ismael, com a ishim voltando suas forças em salvar Denyel, desobedecendo as ordem de Gabriel. Juntos, mesmo que em anos diferentes, os anjos se deparam com uma extensão inesperada de magia negra e devem desdobrar-se para entender qual o objetivo e quem está realmente por trás das estranhas criaturas que são colocadas em seu caminho. São os atlantes os verdadeiros culpados de todos esses feitos ou algo maior está acontecendo?

Guerras, desespero, traições e misticismo, me senti em casa com esse livro. Quem está acostumado a ler todo tipo de fantasia sabe que um livro não pode ser criticado por seu número de páginas, mas sim em como o autor decide seguir sua trama, de quão bem ele vai saber usar seu espaço, e mesmo eu, já acostumada com a escrita de Eduardo Spohr, me surpreendi com seu novo livro.

(mais…)


contos de uma fada

Autora:  Letícia Black
Editora:  Novos Talentos
Páginas:
 320
Classificação:
 4/5 estrelas

Michelle sempre teve uma vida estável, porém, tudo muda de uma hora para outra. Começa com a descoberta de ser adotada, a família que teve toda a sua vida, nunca fora realmente sua. Após uma grande briga com sua mãe, ela procura os braços do seu amado: Guilherme. Ele é quem lhe dá forças para continuar forte e tentar encontrar um caminho apesar dessa grande revelação. Seu namorado decide a levar para sua casa, no entanto, nem todos ficam felizes com essa decisão, já que sua mãe simplesmente odeia Michelle. Todos bem conhecemos esse tipo de sogra né?

E a megera não aceita isso de maneira alguma, o que faz os dois se mudarem para a casa do pai de Guilherme. Michelle não se sente bem por estar causando toda essa mudança na vida de seu namorado, mas ela não tem escolha. Entretanto, algo a incomoda, o que essa dor nas costas que não passa de jeito nenhum? Não aguentando mais essa dor, Michelle decide ir para a praia, onde encontra um garoto que tem alguma semelhança com ela, Kieran. Sabendo quem era ela, Kieran a aconselha ir à praia, para amenizar sua dor, e o que acontece são as asas de Michelle finalmente aparecerem de suas costas.

(mais…)


Autora: Grace McCleen
Editora: Paralela
Páginas: 312
Classificação: 3/5 estrelas

A realidade de Judith não é muito boa, atormentada por seus colegas e criada com um pai que, com a morte da esposa, se tornou tão rígido que não percebe os problemas da filha. Assim, Judith encontra na Terra Gloriosa um refúgio do mundo externo, então quando coisas começam a acontecer em benefício dela e por causa de sua fé, ela começa a experimentar uma melhora de vida. O problema começa quando os poderes recebidos não são usados como deveriam.

A Menina que Fazia Nevar é o primeiro livro de Grace McCleen e ela faz uma trabalho maravilhosos nele. Sua escrita é poética e faz você ler várias em poucos minutos, mas além disso ela explora de um jeito mais sutil uma realidade diferente da que vemos em filmes ou até em livros sobre o Estados Unidos, aqui vemos que as cidades não são tão perfeitas e que toda essa aura de tudo ser bom lá não é algo muito verdadeiro.
(mais…)


EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!