Fantasia

Autora: Maggie Stiefvater
Editora: Verus
Páginas: 434
Classificação: 5/5 estrelas

Essa resenha pode conter spoilers envolvendo o primeiro livro. Leia a resenha dele aqui.

Se você pudesse roubar coisas de sonhos, o que você roubaria? Ronan Lynch guarda segredos. Alguns ele guarda dos outros. Alguns ele guarda dele mesmo. Um segredo: Ronan pode tirar coisas de seus sonhos. E algumas vezes ele não é o único que quer essas coisas.

“Um segredo é uma coisa estranha. […]
Ronan Lynch vivia com toda sorte de segredo.”

Ronan é um dos Garotos Corvos (o mais lindo perfeito problemático que eu viciei e OMG me calei) – um grupo de amigos, praticamente irmãos, em busca de um rei já morto chamado Glendower, que eles acreditam estar escondido em algum lugar nos vales de sua privada escola,  Academia Aglionby. Os caminhos pra Glendower há muito vive como corrente de energia abaixo a cidade. Mas agora, como os segredos de Ronan, esta começando a emergir para a superfície – transformando tudo no seu despertar.

Como fomos muito bem surpreendidos no final de Os Garotos Corvos (supondo que você o tenha lido, eu ESPERO que tenha lido), Ronan pode tirar coisas de seus sonhos. Literalmente. O garoto sonha e tira objetos de lá, de sonho pra realidade. Logo o misterioso Homem Cinza chega a Henrietta em busca de um objeto chamado Greywaren, que parece ser capaz de tirar objetos de sonhos…

(mais…)


Autora: Emma Trevayne
Editora: Seguinte
Páginas:
312
Classificação:
5/5 estrelas

Jack Foster é um garoto de dez anos Londrino que sonha viver grandes aventuras, mas claro que ele, e menos ainda eu, esperava uma fábula moderna e absolutamente intrigante que é esse livro.

Certo dia nas férias do colégio interno, Jack, seguindo um completo estranho que se passava por ‘espiritualista’,  encontra uma porta que o leva para Londinum; um paralelo de Londres repleto de máquinas, magia e perigo.

Esse steampunk de Emma Trevayne nos apresenta um mundo onde não se encontra ninguém do qual o corpo seja totalmente de carne e osso, os que não são totalmente máquinas magicamente animadas são híbridos de metal e engrenagens.

(mais…)


Autor: Raymond E. Feist
Editora: SdE
Páginas: 432
Classificação: 5/5 estrelas

É duro iniciar a resenha desse livro, o segundo de uma saga que me surpreendeu e me fez acreditar no potencial da Saída de Emergência no Brasil, e desde então o tempo passou, mais novidades vieram, e após ler Mago: Mestre eu definitivamente acredito que essa editora, junto ao Grupo Sextante, decidiram que 2014 seria o ano de começar uma mudança no mundo editorial, e é inegável que conseguiram. Os amantes de fantasia agradecem porque até mesmo nós nos dividimos em várias vertentes, vários gostos, e finalmente é possível encontrar uma editora que entenda e invista nisso.

O caminho do poder é um caminho de voltas e reviravoltas.

Entretanto, apesar de ser  viciada em fantasia de todos os gêneros, a épica é aquela que mexe comigo, me faz parar, e esse livro, nossa, esse livro me abalou e surpreendeu até o âmago, completamente viciante, nada previsível e, acreditem se quiser, melhor que o primeiro e eu nem sabia que isso era possível.

(mais…)


Autora: Julie Cross
Editora: Jangada
Páginas: 384
Classificação: 2/5 estrelas

Em Vortex, Jackson Meyer já tomou sua decisão: nunca ter conhecido Holly. Ele acha que ao mudar a história ele irá protege-la. Entretanto, Jackson faz algo que ninguém esperava dele ao se tornar um agente do Tempest, uma divisão da CIA. Ao chegar no treinamento, Jackson se vê um peixe fora d’agua, todos acreditam que ele está lá só pelo seu pai e não por mérito. E, olhando o seu histórico, é a mais pura verdade. Jackson não conseguiria entrar na CIA sem seu pai – que se mostra outra pessoa no segundo volume de Tempest. Agora ele se importa com o filho e faz de tudo por ele. Não é o pai frio e distante que conhecemos na primeira obra.

Além disso, vemos pela primeira vez ou conhecemos melhor vários personagens. Como por exemplo a agente Stewart, que se mostra alguém fria e distante mas que na verdade é cheia de sentimentos dentro de si. Gostei do modo como Julie Cross abordou a personagem, porém a grande trama de Vortex é desvendar tudo o que há sobre as viagens do tempo e infelizmente Julie não conseguiu fazer isso. Ela fez um enorme ponto de interrogação na minha mente. E o problema é que Jackson não é Deus. Ele não pode mudar a história. Algumas coisas simplesmente têm de acontecer. Como ele entenderá isso?

Tudo o que qualquer um pode fazer… É amar quem a gente quer amar enquanto essas pessoas estiverem com a gente.

(mais…)


Autora: Marissa Meyer
Editora: Rocco
Páginas:
480
Classificação:
5/5 estrelas

Já aconteceu a você de cair de amores por uma série de livros e ler tudo o que é possível sobre eles em pouco tempo? Algo como uma overdose  literária e você até treme pensando no próximo livro, em ler mais, em saber mais e até em tietar a autora em busca de spoilers? Pois bem, é exatamente isso que aconteceu comigo em relação as Crônicas Lunares, de Marissa Meyer. Dezenas de pessoas me indicaram e agora que finalmente surgiu a oportunidade de lê-lo eu cai de amores, viciei, provavelmente li os dois primeiros livros em 48hrs — apesar da semana de provas, apesar dos compromissos, apesar de ter uma vida e apesar, principalmente, de precisar dormir. Então só posso dizer que sou mais uma na fila de pessoas que indica essa saga com loucura.

Clique e leia a resenha do primeiro livro.

Nesse livro, além de continuarmos a descobrir um pouco mais sobre a história de Cinder, também conhecemos Scarlet, uma garota com uma família desestabilizada que afetivamente depende completamente de sua avó, a mulher que vem cuidando dela nos últimos anos e a ensinou tudo que sabe sobre a fazenda e o cultivo. Entretanto sua grand-mère desapareceu e a polícia não está muito interessada em encontrá-la. Agora está nas mãos de Scarlet e o estranho, ainda que lindo, Lobo trazer a boa velhinha para casa e é nessa busca que Scarlet percebe que não sabia nada sobre a mulher que a criou e sobre sua família.

A burrice não é tentar proteger você. A burrice é que quase acredito que vai fazer diferença.

(mais…)


Autor: Soman Chainani
Editora: Gutenberg
Páginas: 352
Classificação: 4/5 estrelas

Na onda das adaptações dos contos de fadas, poderíamos citar outras sagas e até mesmo séries de tevê que tem tentado surpreender o leitor com uma nova perspectiva dos contos já bem conhecidos por todos, algumas ótimas, outras nem tanto, mas A Escola do Bem e do Mal com certeza entra para o grupo dos que deram certo, realmente MUITO certo.

Bem abaixo delas erguiam-se dois castelos imensos em plena floresta. […] A Escola do Bem e do Mal.

O livro gira em torno de Sophie, uma garota que sempre tentou se comportar bem e se vestir de maneira impecável para que um dia o Diretor a leve para a Escola do Bem e ela encontre seu amor verdadeiro e viva seu conto de fadas. Mas Agatha, sua única amiga, acha tudo isso uma idiotice e não acredita que exista de fato a Escola do Bem e do Mal. Se Sophie parece uma princesa, Agatha com certeza se parece com uma bruxa, sempre perambulando por cemitérios com suas roupas pretas. Quando finalmente chega o dia em que o Diretor leve as duas crianças, Agatha e Sophie terão uma surpresa.

Vivendo entre histórias como Branca de Neve, Peter Pan e Rapunzel, somente os melhores alunos do bem se tornarão os protagonistas de uma conto de fadas e somente os melhores alunos do mal encontrarão seu Nêmesis e poderão destruir seu mundinho perfeito, história que serão escritas pela caneta mágica Storian, que fica no alto da torre na sala do Diretor. Mas nos últimos 200 anos somente o bem ganhou. O Diretor estaria manipulando-a para que somente o Bem vencesse?

(mais…)


EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!