Drama

Autora: Jenny Han
Editora: Intrínseca
Páginas: 304
Classificação: 2.5/5 estrelas

Na aguardada conclusão da série Para Todos os Garotos que Já Amei, Lara Jean vai ter que tomar as decisões mais difíceis de sua vida. Em Para Todos os Garotos que Já Amei, as cartas mais secretas de Lara Jean — aquelas em que declara às suas paixonites platônicas para conseguir superá-las —, foram enviadas aos destinatários sem explicação, e em P.S.: Ainda Amo Você Lara Jean descobriu os altos e baixos de estar em um relacionamento que não é de faz de conta. Na surpreendente e emocionante conclusão da série, o último ano de Lara Jean no colégio não podia estar melhor: ela está apaixonadíssima pelo namorado; seu pai vai se casar em breve com a vizinha, a sra. Rothschild; e sua irmã mais velha, Margot, vai passar o verão em casa. Mas, por mais que esteja se divertindo muito — organizando o casamento do pai e fazendo planos para os passeios de turma e para o baile de formatura —, Lara Jean não pode ignorar as grandes decisões que precisa tomar, e a principal delas envolve a universidade na qual vai estudar. A menina viu Margot passar pelos mesmos questionamentos, e agora é ela quem precisa decidir se vai deixar sua família — e, quem sabe, o amor de sua vida — para trás. Quando o coração e a razão apontam para direções diferentes, qual deles se deve ouvir?

(mais…)


lev

Autora: Nicola Yoon
Editora:  Arqueiro
Páginas: 288
Classificação: 4.5/5 estrelas

Natasha e Daniel, dois polos opostos de um mesmo imã prestes a serem atraídos.

Ela acredita na ciência e nos fatos, ele acredita em Deus e no destino. Ela gosta de números, ele de palavras. Ela é realista, ele é sonhador. Ela é jamaicana, ele coreano. Ela acha ridícula a ideia de amor à primeira vista, ele acha que pode provar o quanto ela está enganada de achar isso ridículo.

Natasha será deportada para Jamaica em menos de doze horas, e esse é o tempo que Daniel tem para provar que ela está errada.

(mais…)


lev

Autor: J. Wilson
Páginas: 122
Classificação: 3/5 estrelas

Augusto é um advogado bem sucedido, casado com Érica e pai de Eduardo, e está numa viagem até Porto Seguro sozinho, pois seu filho estava se preparando para o vestibular e não podia se ausentar. E é nessa viagem de carro que dá carona a Betinho,  um personagem que desde o começo se define como livre das amarras da sociedade, ele canta como uma forma de sobreviver. Desde o primeiro momento sabemos que há uma certa atração entre os dois, que no primeiro momento é platônica, mas logo se desenvolve em um romance físico entre os dois.

Então sim, este livro reproduz um romance homossexual, tudo sem pudor e com muita naturalidade. Quando precisa retornar para sua família, Betinho acaba aceitando o convite para ir a Vitoria ficar com Augusto, mesmo indo contra sua filosofia de vida. Só que mesmo tentando esconde-lo de sua família, Betinho acaba virando hóspede dentro da sua casa, e Eduardo ao conhecer Betinho tem a imediata certeza que ele é o menino que ele havia visto em um sonho.

Betinho se torna homem de confiança da família, tanto Augusto quanto a mulher confiam nele, e o caso entre os dois permanece em segredo. Só que uma nova peça entrará neste relacionamento abalando aquela certeza que eles tinham de ficar juntos. E o final reserva algumas surpresas.

(mais…)


Autora: Amabile Giusti
Editora:  Kindle Unlimited
Páginas:
 348
Classificação:
 4/5 estrelas

No último mês, a Amazon liberou uma promoção em seu Kindle Unlimited, onde os interessados usariam o serviço que te permite pegar uma série de livros digitais emprestados durante três meses por R$2. Bem, desde já preciso proclamar o meu amor à essa oferta. Muito obrigada, graças a ela encontrei Si me quieres, no me dejes ir, entre outros livros maravilhosos (e não, não me pagaram para escrever isso).

Amabile Giusti é uma autora italiana que parece estar ganhando mais e mais destaque, tanto que seu livro Tentare di non amarti foi traduzido para o espanhol. A trama gira em torno de Penelope, uma garota simples de vinte e dois anos que vive com sua avó doente. Certo dia, ela esbarra em seu novo vizinho, Marcus, que entra em sua vida como um furacão — um furacão bem ranzinza e grosso, diga-se de passagem. Com vinte e cinco anos, repleto de tatuagens, e com sua personalidade rude, ela deveria manter distância dele, mas não é assim tão simples.
(mais…)


lev

Autora: Erin Watt
Editora:  Planeta
Páginas: 368
Classificação: 4/5 estrelas

Princesa de Papel foi aquele tipo de livro que chamou minha atenção pela capa mas me ganhou mesmo foi pela sua sinopse, e ainda que minhas expectativas e a ideia que tinha do livro fossem completamente erróneas, no final ainda foi uma escolha que valeu meu tempo — e o sono perdido.

Leia também: Cinco livros para te ajudar a lidar com o fim de “A Seleção”

Se esconder não é uma coisa ruim. Se você foge, você vai viver para lutar mais um dia. Essa é minha teoria pelo menos.

Nossa protagonista é Elle, uma garota que sabe tudo sobre passar dificuldades e ter uma vida de merda. Uma otimista pragmática, ela passou os últimos anos tentando seu melhor para criar um futuro diferente para si, onde viajar de cidade em cidade em busca de um emprego e ser uma striper não fará mais parte de sua realidade.

E com a recente morte de sua mãe, estar sozinha só a faz dar mais duro, mas Elle não está tão só como imaginava; Elle tem um guardião, e chegou a hora de fazer parte de sua família, ainda que a família esteja determinada a jogá-la de volta para o buraco de onde saiu.

(mais…)


Autor: Sofia Silva
Páginas:
286
Classificação:
4/5 estrelas

Paola e André estão quebrados pelo passado, marcados por pessoas que amaram e que usaram desse amor para destruí-los pouco a pouco. Porém, enquanto as cicatrizes de André são todas invisíveis aos olhos, as de Paola estampam cada pedaço do seu corpo: seu rosto, que nunca havia sido maravilhoso, agora era terrivelmente feio, assim como seu corpo, que magro e sem curvas, ficou menos atrativo ainda com todas as cicatrizes que nunca irão desaparecer. E se já não bastasse ter sido quebrada por fora, ela foi destruída por dentro com anos de abuso verbal.

Meu reflexo surge no espelho como se o vidro estivesse quebrado, e não eu. Se eu não consigo ver beleza em mim, quem conseguirá?

E André é a personificação de todos os medos de Paola, se seu marido, que não era tão alto e nem tão forte quanto ele, conseguiu fazer tudo isso com ela, André conseguiria esmaga-la apenas com uma mão. E isso a assusta. Porém, com o tempo ela percebe que tudo aquilo não é pra machucar e sim pra proteger, para proteger o seu único raio de Sol, sua filha, que apesar de todos os problemas psicológicos, se apegou a Paola logo de cara. E a partir daí, Paola começa a mostrar para André cores que ele nem sabia que existia.

(mais…)


EDITORAS & PARCEIROS

Copyright © 2016 Livros&Citações. Todos os direitos reservados
Notícias, resenhas e indicações de livros!